Categorias: , ,

Título: A filha da minha mãe e eu
Autor: Maria Fernanda Guerreiro
Lançamento: 2012
Páginas: 272
Gênero: Literatura Brasileira
Editora: Novo Conceito Jovem
Sinopse: Sensível e tão real a ponto de fazer você se sentir parte da família, A filha da minha mãe e eu conta a história do difícil relacionamento entre Helena e sua filha, Mariana. A história começa quando Mariana descobre que está grávida e se dá conta de que, antes de se tornar mãe, é preciso rever seu papel como filha, tentar compreender o de Helena e, principalmente, perdoar a ambas. Inicia-se, então, uma revisão do passado – processo doloroso, mas imensamente revelador, pautado por situações comoventes, personagens complexos e pequenas verdades que contêm a história de cada um. 
Esse livro me cativou de diversas formas, me emocionou muito e me fez repensar sobre meu relacionamento com minha mãe, até porque acredito que esse seja o objetivo do livro como um todo. Me vi  pensando na relação com ela, em todas as coisas que ela fez para mim até hoje e no quanto a amo como mãe e como amiga. Você pode até pensar que isso é bobeira da minha parte por estar falando essas coisas, mas lendo esse livro, é esse sentimento que você leva para casa. Um sentimento muito forte em relação a família como por inteiro e acaba repensando sobre todas as coisas que vocês vem vivenciando até agora.

Categorias:

Oi, como vai você? Hoje eu tava indecisa entre trazer uma nova resenha ou um post diferente, mas acabei optando em trazer uma tag muito criativa que eu vi. A tag foi inicialmente criada pelo blog "Diário dos Livros" e foi passando e passando até chegar no blog Duas Livreiras, que foi onde eu peguei pra fazer. Se você se interessar pela tag, fique a disposição para fazê-la!

1. Meu voto é sim: um livro em que você torce muito para que tenha uma adaptação para o cinema.
Em meio a mil e um livros que já li, eu tô ansiosa para ver uma adaptação de Puros da Julianna Baggott que tem um enredo pós 3ª Guerra Mundial. Mas infelizmente a série não é muito conhecida e não sei se uma adaptação seria algo que pudesse acontecer.

Categorias: , ,

Oi, como vai? Vocês devem saber que eu sou uma fã viciada em chick-lits! Desde o momento que eu descobri o que significa eu acabei me envolvendo mais e mais pelas obras que possuem esse gênero. Para quem tá perdido e ainda não sabe o que significa, chick-lit seria um gênero totalmente voltado ao sexo feminino. São romances leves, divertidos e charmosos, que são o retrato da mulher moderna, independente, culta e audaciosa. Geralmente eles tem o objetivo de entreter o leitor e divertir. 

Por isso que não tem como não amar chick-lits! Se tornou um dos gêneros que mais amo e que mais leio, totalmente. Por isso, como toda boa fã, já li diversas obras muito legais que foram indicadas ou que acabei encontrando por acaso e então nesse post trouxe 10 sugestões de chick-lits para você ler! São todos livros que eu li e que adorei e por isso estão sendo indicados para você. Claro que alguns são universais e todo mundo já conhece ou ouviu falar, mas é sempre bom dar uma relembrada!

Categorias: , ,

Título: Sempre Foi Você
Autor: Carrie Elks
Lançamento: 2014
Páginas: 312
Gênero: Romance / Ficção / Literatura Estrangeira
Editora: Universo dos Livros

Sinopse: Richard, nós tivemos um bebê.
Londres, 31 de dezembro de 1999. Aos 17 anos, a britânica Hanna Vincent conhece o americano Richard Larsen: um estudante rico, encantador e sedutor que vai virar seu mundo de ponta-cabeça. Um relacionamento entre eles é improvável, já que vivem em mundos completamente diferentes. Mas aos poucos uma grande amizade vai surgindo e leva os dois a uma relação explosiva, cheia de paixão, amor e aventura.
Emocionante e comovente, Sempre Foi Você é uma genuína história de amor. Você daria uma segunda chance ao amor da sua vida?
Esse é um daqueles livros de romance que todos acham que é só mimimi o tempo todo com aquele drama tão característico dos personagens principais. Quando li o livro, eu superei minhas expectativas em relação ao enredo e acabou se tornando uma daquelas histórias que faz o leitor se apaixonar completamente, como no meu caso. A história mostra que um amor de verdade pode realmente existir, mas que também há inúmeros problemas que este amor pode enfrentar se quer ser realmente uma história de amor com um final feliz.

Título: Pela lente do amor
Autor: Megan Maxwell
Lançamento: 2015
Páginas: 432
Gênero: Romance / Literatura Estrangeira / Chick-lit
Editora: Essência

Sinopse: Ana Elizabeth troca o luxo e a riqueza da sua aristocrática família londrina pelas calles madrilenas, em busca do seu sonho: ser fotógrafa. Dona do seu nariz, ela monta com a amiga Nekane um estúdio fotográfico na capital espanhola e segue seu caminho de sucesso. No dia em que o prédio onde trabalham enfrenta um incêndio, Ana conhece Rodrigo, um dos bombeiros que atendem ao chamado da ocorrência. A troca de olhares aquece não só o corpo da fotógrafa, mas também seu coração e ela se entrega à inusitada amizade com benefícios que nasce entre eles. Apesar de cúmplices, um balde de água fria vai comprometer a liga dessa relação, quando Rodrigo um mulherengo de carteirinha descobrir que sua querida Ana está grávida de um turista suíço que passou por sua vida sem passagem de volta e de quem ela só sabe o nome. E o que dirá sua pomposa família quando souber que ela está grávida de um desconhecido e é amante de um bombeiro pobretão? Só a leitura do livro revelará!
Boa tarde! Hoje eu trago a resenha do primeiro livro que li para o Desafio "Fuxicando sobre Chick-lits 2016". Esse livro entrará no quesito de livro que tenha um coração na capa, como vocês podem ver acima. Pela lente do amor foi publicado pela Editora Essência e escrito por minha diva Megan MaxwellEu estava com um pouco de receio de ler esse livro justamente porque vi diversas críticas e teve alguns que me fizeram achar que o livro em si não era bom. Eu também estava curiosa para saber dessa obra da autora onde o tema principal não era sexo e sim amor. A autora já escreveu livros como Peça-me o que quiser e Surpreenda-me, livros fantásticos que eu adorei. Resolvi então não entrar de cabeça nesse livro pois não sabia o que me esperava.

Ultimamente tem ganhado muito destaque os gêneros de romance de época onde vários autores relatam com seu melhor vocabulário cenas passadas no século XIX, seja pela sociedade francesa ou parisiense. Esses romances à lá Jane Austen vem ganhando o coração dos leitores e aos poucos foi cativando o meu também. Hoje me vejo sendo uma fanática por narrativas que são ambientadas nessa época, adorando cada momento da leitura e descobrindo mais sobre os costumes que ali são retratados. Como quem lê sabe, os livros sempre abordam temas como a diferença das classes, as regras que a sociedade impunha as mulheres e muitas vezes o preconceito com pessoas que não possuíam títulos ou patentes. E é por isso que acaba nos encantando de uma forma ou outra.

Hoje nesse post especial, eu resolvi pesquisar e trazer para vocês os romances de época da atualidade que estão sendo mais divulgados, falados e conhecidos por aqui. Como a maioria são séries, eu darei prioridade a elas mas deixando também alguns livros que buscam o mesmo enredo e narrativa. A maioria dos citados abaixo é conhecido pela maioria das leitoras de qualquer blog literário, mas não deixo de ressaltar a importância deles e até relembrá-los de alguns que ás vezes costumamos esquecer.

Categorias: ,

Oie, como vai? Hoje resolvi começar com a coluna Livros com temas que eu disse há um tempinho aqui no blog (para saber mais sobre ela, clique aqui). E para começar com chave de ouro e em homenagem a todos os bloggers, eu trouxe o assunto blogs/vlogs para a coluna. Claro que livros com o tema blog/vlog em si não é muito usado, mas eles tem uma abordagem sutil e que faz a gente acabar se apaixonando por eles, já que somos blogueiras também e acabamos nos identificando com os personagens. Eu trouxe algumas obras para vocês conhecerem que não são novidade para ninguém, mas que quem quiser ler pode se interessar. 

Título: Procura-se um marido
Autor: Carina Riss
Lançamento: 2012
Páginas: 476
Gênero: Literatura Brasileira / Humor, Comédia / Romance
Editora: Verus
Sinopse: Alicia sabe curtir a vida. Já viajou o mundo, é inconsequente, adora uma balada e é louca pelo avô, um rico empresário, dono de um patrimônio incalculável e sua única família. Após a morte do avô, ela vê sua vida ruir com a abertura do testamento. Vô Narciso a excluiu da herança, alegando que a neta não tem maturidade suficiente para assumir seu império a não ser, é claro, que esteja devidamente casada. Alicia se recusa a casar, está muito bem solteira e assim pretende permanecer. Então, decide burlar o testamento com um plano maluco e audacioso, colocando um anúncio no jornal em busca de um marido de aluguel. Diversos candidatos respondem ao anúncio, mas apenas um deles será capaz de fazer o coração de Alicia bater mais rápido, transformando sua vida de maneiras que ela jamais imaginou.Cheio de humor, aventura, paixão e emoções intensas, Procura-se um marido vai fisgar você até a última linha.
Bom dia, como vai? Hoje eu trago a resenha do primeiro livro lido para o Desafio Literário 2016, criado por mim. Então, começando com chave de ouro, eu resolvi ler o livro da Carina Rissi que há muito tempo havia entrado na minha wishlist. Sinceramente, eu achava que o livro seria mais um completo clichê, já que a sinopse não traz nada de diferente, mas acabei levemente enganada e confesso que adorei ter me enganado assim.

Oi, como vai? Eu resolvi criar uma nova coluna do blog chamada Desabafos de uma Leitora. Aqui irei falar sobre algumas coisas que vocês já estão acostumados mas que vem de um viés diferente: eu. Vou falar sobre o que me irrita, o que me fascina, o que eu espero, o que não quero entre outras coisas sobre os livros. Afinal, este é o reino encantado de uma leitora e não seria estranho se eu começasse a falar dos meus encantos com vocês.

Categorias: ,

Trouxe novidades gente! Talvez nem seja tão novidade assim, mas o blog acaba de criar um Instagram uhuul!. Muitos blogs ou sites já tem sua página no Facebook e seu IG, mas hoje eu tomei vergonha na cara e criei um IG para o blog, justamente para diferenciar do meu pessoal @miriamikaey. Eu LITERALMENTE acabei de criar então me desculpem se ainda não temos fotos ou se ainda estamos sem seguidores e é por isso que pedimos sua ajuda. Precisamos que você nos visite e siga nosso instagram. Claro, é somente para quem quiser e estiver interessado. Deixando claro que sigo todos os IG de volta, contanto que sejam do blog ou conteúdo de livros e não pessoais, certo? Se você também quiser divulgar o seu ig, deixe nos comentários aqui em baixo para eu dar uma olhadinha, vou adorar conhecê-lo!
Instagram do blog @reinodeumaleitora
Instagram pessoal @miriamikaely

Categorias: ,

Oi, como vai? Eu já fiz um post explicando o conceito de parceria e mostrando à vocês algumas parcerias que o blog adquiriu recentemente (veja o post Novidade no blog: Novas Parcerias com Blogs!). A cada dia mais o blog está crescendo e estou muito eufórica com isso. Ainda é pouco, claro, mas eu sei que de pouquinho e pouquinho o blog vai melhorando e se aprimorando. Por isso, algumas novas parcerias com blogs foram firmadas e vim apresentá-las a vocês. Eu deixo claro que são blogs sensacionais e que com certeza vocês precisam visitar!