Facebook

[Resenha] 8 Segundos, de Camila Moreira @Suma de Letras

Título: 8 Segundos
Autor: Camila Moreira
Lançamento: 2015
Páginas: 280
Gênero: Romance
Editora: Suma de Letras
Classificação: 
Sinopse: O que fazer, quando dois mundos totalmente diferentes se chocam em uma realidade não esperada? Pietra sempre teve tudo o que desejava, mas após ser obrigada a passar trinta dias isolada em uma das fazendas da família, ela vai descobrir que nem tudo está ao alcance de suas mãos. Um peão de olhos azuis está tirando o sono da princesa da cidade. Lucas Ranger é um homem ligado às coisas mais simples da vida. Suas maiores paixões são o rodeio, o campo e os animais. Lucas não se deixa levar pelos lindos olhos verdes de Pietra, ele sabe que ela significa problema. Mas será que o cowboy indomável, irá se deixar laçar por uma menina de crista? Oito segundos... uma história de amor e paixão superando as diferenças. 
Porte de uma beleza encantadora e de uma fortuna inimaginável, Pietra de Alcântara faz da vida o que quer. Por ter perdido a mãe quando criança e seu pai sempre a deixou em colégios internos, ela não tem uma boa relação com ele e só se falam quando ela precisa de dinheiro. Vendo que sua filha precisa de rédeas já que ela se tornou uma patricinha fútil e superficial, ele faz um acordo com ela: ela teria que passar 30 dias na fazenda deles e depois disso, Pietra poderia ganhar seu tão sonhado apartamento em Paris.

Ela fica possessa da vida com a condição, mas acaba indo e seu primeiro dia lá não é o dos melhores. Seu encontro com Lucas foi com base em hostilidade e ela acaba o chamando de diversas coisas, inclusive porco já que ele acaba de fazer um parto de uma vaca e cheira muito mal. A moça ainda por cima trata todos os empregados sem nenhuma educação. Mari, a prima de Lucas, vai ter que ficar de babá com Pietra e as duas já deixam claro que não gostam uma da outra. Mas assim que percebe que Lucas, é doutor veterinário e que por trás do cheiro horrível, ele tem um corpo digno de observação e uma beleza encantadora, Pietra coloca na cabeça que precisa tê-lo e fará de tudo para isso acontecer. 

Triângulo amoroso... pra quê?

Título um pouquinho diferente, mas é sobre isso que vamos conversar: triângulos amorosos. Eu não sei se vocês sabem, mas romance em qualquer gênero literário virou praticamente uma obrigação dos autores. Todos arranjam um jeitinho de colocar um casal no meio da história, mesmo que eles não tenham nada a ver ou que a história nem peça. Por existir essa gama tão grande de casais, eu acabei criando aversão a triângulos amorosos. Pense numa coisa que eu simplesmente não gosto! Acho tudo meio batido demais e infelizmente, quanto mais lemos, mais vemos esses triângulos acontecendo.

Não quero ser chata mas neste post resolvi falar sobre minha indignação com essa de sempre colocar dois caras e uma garota. Por que não ser ao menos criativo e colocar duas garotas e um cara? Infelizmente, parece que a indústria da literatura pensa que só pode existir um caso e tem que ser desse jeitinho. Além disso, é quase, digo QUASE impossível você encontrar uma distopia que não tenha um triângulo. No mínimo, tem que ser entre uma mulher que praticamente consegue chamar atenção destes dois caras, mas não tendo nada realmente de especial. No outro caso, um desses homens é amigo da moça e o outro, um completo desconhecido. E quem ela escolhe? O tal cara que ela jamais viu e sabe que não pode confiar.

[Resenha] Namorado de aluguel, de Kasie West @Verus

Título: Namorado de Aluguel
Autor: Kasie West
Lançamento: 2016
Páginas: 250
Gênero: Infanto Juvenil 
Editora: Verus
Classificação: 
Sinopse: Quando Bradley, o namorado de Gia Montgomery, termina com ela no estacionamento do baile de formatura, ela precisa pensar rápido. Afinal, ela vem falando dele para suas amigas há meses. Esta era para ser a noite em que ela provaria que ele não é uma invenção de sua cabeça. Então, quando vê um garoto esperando pela irmã no estacionamento do baile, Gia o recruta para ajudá-la. A tarefa é simples: passar por namorado dela — apenas duas horas, nenhum compromisso, algumas mentirinhas. Depois disso, ela pode tentar reconquistar o verdadeiro Bradley. O problema é que, alguns dias depois do baile, não é em Bradley que Gia está pensando, mas no substituto. Aquele cujo nome ela nem sabe. Mas localizá-lo não significa que o relacionamento de mentira deles acabou. Gia deve um favor a esse cara, e a irmã dele tem a solução perfeita: a festa de formatura da ex-namorada dele — apenas três horas, nenhum compromisso, algumas mentirinhas.
E, justamente quando Gia começa a se perguntar se pode transformar seu namorado falso em real, Bradley reaparece, expondo sua farsa e ameaçando destruir suas amizades e seu novo relacionamento.
Inteligente e maravilhosamente romântico, Namorado de aluguel retrata a jornada inesperada de uma garota para encontrar o amor — e possivelmente até a si mesma.
Gia Montgomery é uma menina de 16 anos que se preocupa muito com as aparências. Seguida por mais duas amigas, ela é presidente do Conselho Estudantil, e pode se dizer que tem a vida perfeita. Pais perfeitos, amigos perfeitos, uma beleza perfeita. Mas Jules, uma nova integrante do quarteto, chega para abalar a vida de Gia e faz de tudo para que suas amigas fiquem contra ela. A sua mais nova implicação foi em não acreditar que Gia tinha um namorado, e seria no baile da escola que Gia mostraria Bradley a suas amigas, tirando qualquer dúvida que Jules pudesse ter.

Mas isso não pode acontecer já que alguns minutos antes de entrar na festa, Bradley acaba terminando o namoro com Gia, e esta fica "arrasada". O que suas amigas iriam pensar dela agora? Para concertar a situação e não se passar por mentirosa, Gia vê um menino lendo um livro no estacionamento e após implorar, ele decide se passar por seu namorado naquela noite. No final, ele terminaria com ela na frente de suas amigas e sua vida voltaria ao normal.

7 livros que deveriam se chamar nostalgia

Oi, como vão? Depois de ter visto um post incrível no blog Caligrafando-te, e ter me apaixonado pela escrita da Kelly, eu resolvi não ser nem um pouco criativa e copiei a ideia dela, por isso neste post vou falar sobre os 7 livros que deveriam se chamar nostalgia. Eu amo nostalgia! É sério. Muita gente não gosta, porque acredita que isso o faz se sentir velho e ás vezes lembrar de algumas coisas e do tempo que passou faz nós termos o sentimento de perda, mas no meu caso, sinto-me feliz ao lembrar daqueles momentos especiais que passei na infância ou na minha adolescência. Então embarque comigo nestas histórias e relembre também.

7. Harry Potter
Eu devo começar pela coisa que me faz sentir mais nostálgica do mundo! Eu comecei a assistir os filmes antes de ler os livros porque já era muito antes viciada na série do bruxinho mais famoso do planeta, então pense no emaranhado de emoções que sinto toda vez que vou ler esses livros! Tudo faz me lembrar Harry Potter! Se eu vejo uma bota, lembro-me da Floresta Proibida (acredite!). Qualquer coisinha me remete aos personagens, ao cenário, tudo. Eu amo HP, sou potterhead de coração e não pude deixar de citá-lo aqui. Acho que faz parte da infância de todo mundo e quem não conhece, não sabe o que está perdendo!
Fonte: Desejo Literário

[Resenha] Bela Redenção, de Jamie McGuire @Verus

Título: Bela Redenção
Autor: Jamie McGuire
Lançamento: 2015
Páginas: 308
Gênero: Literatura Estrangeira
Editora: Verus

Sinopse: A aguardada continuação de Bela Distração Liis Lindy é uma agente do FBI decidida a se casar apenas com o trabalho. Ela adora sua mesa, está em um relacionamento sério com seu laptop e sonha em ser cumprimentada pelo diretor depois de solucionar um caso difícil. O agente especial Thomas Maddox é arrogante e implacável, um dos melhores que o FBI tem a oferecer — e chefe de Liis. Quando Liis e Thomas são encarregados de uma missão em que precisam fingir ser um casal, a atração entre eles chega ao limite — e os leva a questionar quanto realmente estavam fingindo. Bela redenção é o segundo volume da série que narra a excitante, romântica e por vezes volátil jornada dos Maddox rumo ao amor. Chegou a hora de conhecer o mundo misterioso do esquivo Thomas e descobrir como a paixão pode ser intensa quando você não é a primeira, e sim a última. Além, é claro, de rever os outros irmãos da família Maddox. 
Depois de ter lido Belo Desastre e ter gostado bastante da série dos irmãos Maddox, resolvi arriscar e comecei a ler Bela Redenção, que conta a história do irmão mais velho Thomas. Acredito que todos os livros devam ser lidos na ordem certa, porque apesar de serem independentes, tem alguns fatos que podem ser mal interpretado nos outros volumes e você acaba levando um belo spoiler. Eu fiz o favor de não ler na ordem certa e não sei bem se vou querer ler os outros volumes justamente por estes motivos.

Thomas Maddox é o filho mais velho e consequentemente mais apegado a seus irmãos, já que ele ajudou seu pai a criá-los quando esta morreu. De todos os pedidos que ela fez para os filhos, o mais importante era nunca trabalhar na polícia. Porém, Thomas cresceu e acabou se tornando um agente secreto do FBI, e com medo do que sua família diria, ele mente para todos ocultando onde realmente trabalha.

Promoção do livro A Era de Ouro do Pornô com frete grátis!

A Editora Multifoco está vendendo o livro do nosso autor parceiro Zeka Sixx, A Era de Ouro do Pornô com frete grátis! VOCÊ NÃO PODE PERDER ESSA PROMOÇÃO! Corre lá e já garanta o seu exemplar. (link)
O livro do autor foi recebido para resenha aqui no blog. Para quem quer conhecer um pouco mais da obra, você encontra a resenha do livro aqui: (link)

Max tem vinte e nove anos e mora sozinho em um apartamento em Porto Alegre. Faz bicos como tradutor e sonha em ser escritor. Enquanto isto, passa os dias bebendo, esperando o fim de um bloqueio criativo que o aflige há três anos. Você já leu essa história milhares de vezes, certo? Não exatamente. “A Era de Ouro do Pornô”, primeiro romance de Zeka Sixx, autor do livro de contos “O Caminho dos Excessos” (Edição do Autor, 2015), parte de uma premissa aparentemente batida para se revelar uma fábula maldita, encharcada em álcool, sexo, cultura pop e niilismo. Mais do que Max, o anti-herói central, é a cidade de Porto Alegre, com seus habitantes – do sexo feminino, em especial -, o verdadeiro personagem do romance. O enredo se desdobra como uma montanha-russa, indo do sonho ao pesadelo num virar de página. “A Era de Ouro do Pornô” é uma sátira a uma geração que colocou sobre seus próprios ombros a necessidade de ser criativamente relevante.

[Especial Dia dos Pais] Livros para inspirar o dia dos pais!

Dia dos Pais se passou mas nossa homenagem para ele não. O que vocês deram para o pai de vocês? Ou em outros casos, como vocês agradeceram aquele que agiu como um paizão para você? O feriado está aí para nos fazer lembrar que existe alguém que se importa conosco. Pode ser pai, tio, avô ou a mãe, mas ele nos inspira a ser melhor e sempre que pudermos devemos dedicar todos os nossos agradecimentos a eles.

Neste post eu vim indicar cinco livros perfeitos para inspirar o Dia dos Pais. Mesmo que alguns não falem sobre a relação do pai com o filho de forma propriamente dita e nem seja o tema do livro, nós vemos muito aquela perfeita demonstração de afeto entre eles e por isso vou indicá-los. Se você já leu algum livro dos citados abaixo, deixe sua opinião sobre nos comentários.

5. Esta é uma história de amor - Jessica Thompson
Esse livro é uma fofura minha gente! No mesmo estilo de Um dia e Simplesmente Acontece, vemos dois amigos que se amam mas que demoram séculos para admitir isso. O importante na história não é somente a amizade entre eles e o sentimento que estes nutrem, mas o relacionamento entre Sienna e seu pai. Ele sofre de uma doença séria que faz com que ele acabe dormindo do nada e por isso muitos acidentes acontecem dentro de casa. Sienna faz de tudo para ajudar o pai nesses momentos e sempre está zelando pela sua saúde, deixando a casa cada vez mais confortável para o caso de algo acontecer.
Fonte: Drafts Danica

[Resenha] O beijo de chocolate, de Laura Florand @Única

Título: O beijo de chocolate
Autor: Laura Florand
Lançamento: 2015
Páginas: 304
Gênero: Romance
Editora: Única
 
Sinopse: Quem Nunca Sentiu Algo Tão Forte Que Pensou Que Só Poderia Estar Enfeitiçado? Na pequena Île Saint-Louis, no coração da romântica Paris, esconde-se uma casa de chá especial e mágica: La Maison des Sorcières. As tias Aja e Geneviève confiaram em sua jovem sobrinha Magalie para ajudá-las na empreitada de encantar os clientes com doces e bebidas que são literalmente feitiços – em especial, o inexplicável chocolate quente de Magalie. A vida seguia tranquila até que o badalado pâtissier Philippe Lyonnais resolve abrir uma filial de sua loja a poucos metros dali. É então que começa uma batalha mais do que apimentada entre os dois doceiros: Magalie tenta punir (e instigar) Philippe com suas xícaras de chocolate quente, e ele a enlouquece com tentações inéditas e cheias de sabor. Magalie, porém, nunca esteve pronta para sentir algo tão forte e, depois de tanto tempo isolada, ao conhecer Philippe vê que não pode mais fugir de quem é e dos seus desejos. Contudo, ele significa o risco de perder tanta coisa… Tudo aquilo que vale mais que um simples – ainda que absolutamente tentador – macaron. Entre a teimosia e o desejo, o doce e o amargo, descubra as emoções que só a paixão com uma boa dose de cacau e magia pode despertar. 
Encontrei o livro da Laura Florand por acaso e resolvi arriscar na leitura pois achei a sinopse encantadora e envolvente. Infelizmente minhas expectativas quanto a leitura não foram atingidas, mas eu gostei bastante dos personagens aqui retratados. Magalie é uma moça que vive com suas duas tias. Aja e Geneviève e juntas elas administram a encantadora e mágica loja de chocolates La Maison des Sorcières. Apesar de não acreditar em magia, todas ás vezes que Magalie serve algum cliente com seu especial chocolate quente, ela deseja algo para eles acreditando que assim poderá melhorar suas vidas.

Porém, uma nova loja será aberta na mesma ilha onde se encontra a loja, e nada mais do que o melhor pâtissier Philippe Lyonnais irá comandá-la. Ele vem de uma família famosa de chefs de cozinha, mas somente ele criou a melhor receita de macarons, o qual ninguém consegue fazer igual (doce da imagem abaixo). Magalie sabe que esta nova loja será a ruína de seu negócio com as tias e faz de tudo para Philippe não abrir a loja lá, dando início ao uma divertida disputa onde cada um tenta fazer com que o outro coma seu doce de chocolate e enfim ceda.

Indicação de Livros #1

Geralmente a indicação de livros rola quando euzinha resolvo indicar algum livro que eu gostei muito a vocês leitores, mas hoje será diferente. Ontem passei a noite toda procurando e baixando novos livros para ler e os trouxe alguns aqui para saber a opinião de vocês sobre, se caso já tiverem lido algum. Então me ajude a escolher melhor, a opinião de vocês com certeza irá me ajudar bastante!

O lado feio do amor - Colleen Hover
Sinopse: Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo... apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor.O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.