Facebook

Publique seu conto distópico em livro!


Se você escreve contos sobre distopias e deseja ser publicado, eis a oportunidade.
Você pode participar da coletânea MÃO DE FERRO - CONTOS DISTÓPICOS, organizada pelos escritores Paola Giometti e Hugo Sales.
Qualquer pessoa pode participar. Para submeter um texto à avaliação, basta acessar o site da editora www.andross.com.br
O prazo para recebimento de textos vai até 30 de abril de 2017 e o lançamento será em outubro de 2017, no evento Livros em Pauta.

SINOPSE: Lincoln disse que o caráter de um homem é colocado à prova assim que ele é alçado ao poder. E o coração, outrora macio e quente, se torna rijo e gélido, com sede de mais autoridade, conquistada com punhos cerrados e brados graves. Aos oprimidos, restam-lhes apenas esperança e resistência.

Essa é sua oportunidade de se tornar um escritor!

Tag: Obsessão por livros

Oi, gente. Fuçando o blog de algumas pessoas, encontrei essa tag por acaso no Quanto mais livros melhor. Achei ela bem diferente da maioria das tags que conseguem ser bem repetitivas, por isso se vocês se interessarem, fiquem à vontade para fazer. 

Você tem obsessão em comprar livros?
Eu achei que não, mas depois percebi que mesmo mergulhada nas dívidas e não podendo gastar com nada, se eu paro em frente a uma livraria ou promoção, estou lá eu comprando e gastando o que não devo. E olha que eu tenho diversos livros que comprei no ano passado e ainda não li. Se isso não é obsessão, não sei o que é.

[Resenha] O eterno namorado - Nora Roberts

Tudo o que acontece na vida de Owen Montgomery é meticulosamente organizado em uma planilha ou lista de tarefas. No trabalho não é diferente, e é graças a sua obsessão por ordem que a Pousada Boonsboro está prestes a ser inaugurada – dentro do cronograma.
A única coisa que Owen jamais previu foi o efeito que Avery MacTavish teria sobre ele. A proprietária da pizzaria em frente à pousada sempre foi amiga da família e agora, enquanto vê em primeira mão a fantástica reforma pela qual o lugar está passando, também observa a mudança gradativa de seus sentimentos por Owen.
Os dois foram namorados de infância, e desde então tinham estado bem distantes dos pensamentos um do outro. O desejo que começa a surgir entre eles, porém, não tem nada de inocente e é impossível de ignorar.
Enquanto Owen e Avery decidem se render à paixão e levar seu relacionamento a um nível mais sério, a inauguração da pousada se aproxima e dá a toda a cidade um motivo para comemorar. Mas quando os traumas do passado de Avery batem à porta e a impedem de se entregar, Owen sabe que seu trabalho está longe de terminar. Agora ele precisa convencê-la a baixar a guarda e perceber que aquele que foi seu primeiro amor pode também ser seu eterno namorado.

Romance | 304 páginas | Editora Arqueiro | Esta resenha pode conter spoilers do livro anterior

Depois de ter terminado Um novo amanhã, o primeiro livro sobre a pousada Boonsboro, fui correndo ler o segundo livro da série e posso dizer que fiquei bem mais satisfeita com o enredo. Aqui conheceremos melhor Owen Montgomery, o irmão do meio, aquele que sempre está encarregado de cuidar dos detalhes das obras, incluindo tudo em suas listas mecanicamente organizadas.

Owen conhece Avery MacTavish a vida inteira, inclusive foi seu primeiro namorado quando tinham apenas 6 anos de idade. Porém, eles cresceram e a paixonite que um dia sentiram um pelo outro desapareceu. Agora com a pousada em reta final para a inauguração, Owen e os irmãos estão cheios de coisa para fazer, inclusive o casamento de Clare e Beckett.

Resumo do mês - Janeiro de 2017

Janeiro é o mês das férias ou mais conhecido como o mês do descanso. Depois de um 2016 cheio de reviravoltas no mundo e inclusive no Brasil, somos abençoados com um mês calminho, bom para colocar as metas e desafios literários em dia e criar outros. Confesso que esse mês foi pouco produtivo para mim em matéria de leituras, já que eu estava em uma "ressaca pós-ano novo", com aquela preguiça de ler alguns livros e deixando tudo de lado. Porém, o mês não foi em vão e já começamos o ano muito bem, firmando parcerias com blogs e diversos autores, além de ter muitas novidades!

[Resenha] Um novo amanhã - Nora Roberts

A tradicional pousada da cidade de Boonsboro já viveu tempos de guerra e paz, teve diversos donos e até sofreu com rumores de assombrações. Agora ela está sendo totalmente reformada, sob direção dos Montgomerys, que correm para realizar a grande reinauguração dentro do prazo.
Beckett, o arquiteto da família, é um charmoso conquistador que passa a maior parte do tempo falando sobre obras, comendo pizza e bebendo cerveja com seus irmãos Ryder e Owen. Atarefado com a pousada, ultimamente nem tem desfrutado de uma vida social decente, mas pretende mudar logo isso para atrair a mulher por quem é apaixonado desde a adolescência.
Depois de perder o marido na guerra e retornar para Boonsboro, Clare Brewster leva uma vida tranquila cuidando de sua livraria e dos três filhos. Velha amiga de Beckett, ela volta a se reaproximar dele ao ajudar nos preparativos da pousada.
Em meio a essa apaixonante reconstrução, rodeados de amigos, Beckett e Clare passam a se conhecer melhor e começam a vislumbrar um futuro novo e promissor juntos.
Neste primeiro livro da trilogia A Pousada, Nora Roberts apresenta o romântico Beckett Montgomery, que, ao buscar realizar o sonho de sua família, acaba deparando com um amor que pensava estar esquecido. 

Romance | 320 páginas | Editora Arqueiro 

Sendo o primeiro livro da Série A Pousada, Um Novo Amanhã traz a história de Beckett Montgomery. Ele e seus irmãos, Owen e Ryder, estão empenhados a reformar e transformar a antiga pousada da cidade de Boonsboro em um sucesso. Ryder e Owen são carpinteiros e empreteiros, porém é Owen o irmão que trabalha com os detalhes, e Beckett é o arquiteto. O projeto está andando a mil maravilhas e enquanto a pousada não termina de se reerguer, Beckett irá viver uma linda história de amor.

Apaixonado desde a adolescência por Clare Brewster, Beck deseja mais do que ser somente um amigo. Clare foi embora da cidade aos 19 anos, casada com Clint e com ele teve três filhos: Harry, Liam e Murphy. Porém, com o trabalho de Clint no exército, Clare acabou ficando viúva; fato que a trouxe de volta à cidade para ficar mais perto de sua família.