Facebook

[Resenha] Paixão sem limites - Abbi Glines

Ele podia ter tudo que quisesse. Menos ela. Blaire Wynn não teve uma adolescência normal. Ela passou os últimos três anos cuidando da mãe doente. Após a sua morte, Blaire foi obrigada a vender a casa da família no Alabama para arcar com as despesas médicas. Agora, aos 19 anos, está sozinha e sem lugar para ficar. Então não tem outra escolha senão pedir ajuda ao pai que as abandonara. Ao chegar a Rosemary, na Flórida, ela se depara com uma mansão à beira-mar e um mundo de luxo completamente diferente do seu. Para piorar, o pai viajou com a nova esposa para Paris, deixando Blaire ali sozinha com o filho dela, que não parece nada satisfeito com a chegada da irmã postiça. Rush Finlay é filho da madrasta de Blaire com um famoso astro do rock. Ele tem 24 anos, é lindo, rico, charmoso e parece ter o mundo inteiro a seus pés. Extremamente sexy, orgulha-se de levar várias garotas para a cama e dispensá-las no dia seguinte. Blaire sabe que deve ficar longe dele, mas não consegue evitar a atração que sente, ainda mais quando ele começa a dar sinais de que sente a mesma coisa. Convivendo sob o mesmo teto, eles acabam se entregando a uma paixão proibida, sobre a qual não têm nenhum controle. Mas Rush guarda um segredo que Blaire não deve descobrir e que pode mudar para sempre as suas vidas.

New adult | 192 páginas | Editora Arqueiro | Esta resenha foi postada primeiramente no blog Brilliant Diamond ❤ 

Blaire, uma garota de 19 anos acabou de chegar Na cidade de Rosemary. Ela tem passado por maus bocados: além de ter perdido a irmã gêmea em um acidente de carro onde seu pai estava dirigindo há cinco anos, ela ainda teve que lidar com o abandono dele depois e em seguida a doença de sua mãe, que a consumiu por três longos anos fazendo-a parar de estudar e a trabalhar cedo para pagar as contas de hospitais.

Agora sem ninguém e sem dinheiro, ela terá que procurar ajuda de seu pai e esse prontamente a acolhe em sua casa. Mas quando chega lá, Blaire descobre que seu pai viajou e se depara com uma festa na linda mansão comandada pelo filho de sua madrasta, Rush Finlay, que também é filho de uma estrela do rock. Desde já, Rush trata Blaire muito mal e já mostra que não está contente com a vinda dela para a casa dele, mas em um momento de remorso, ele a deixa dormir no quartinho embaixo da escada até ela arrumar outro lugar para ir.

Tag: Carnaval Literário

Oi, gente! Estamos em clima de Carnaval, certo? E nada melhor do que comemorar com uma tag! Encontrei-a no blog Lendo e Apreciando e achei muito divertida e original. Como não sabemos quem criou, se você sabe, deixe aqui o nome do blog para darmos os devidos créditos, e se você sente -se interessado em fazer, fique à vontade!

5 bebidas para acompanhar um bom livro

Eu sempre fui de ficar beliscando alguma coisa enquanto lia um livro, isso é fato, então resolvi compartilhar com vocês cinco bebidas maravilhosas para acompanhar enquanto nós leitores estamos fazendo a coisa que mais gostamos: ler! 

1. CAFÉ
Infelizmente ainda vejo muitas pessoas que não gostam de café, e por enquanto eu ainda não encontrei nada melhor para acompanhar um livro do que esta bebida. Nada melhor do que ler um livro naquele dia nublado, debaixo das cobertas sendo acompanhado por esta delícia. Por ter cafeína, o café pode ajudar também na concentração.

[Resenha] Pode beijar a noiva - Patrícia Cabot

Apenas um homem poderia propor a ela casamento... Emma Van Court, dama de uma família londrina, jamais esperava ficar viúva e sem vintém na aldeia escocesa de Faires. E quando uma fortuna lhe foi prometida, se ela tornasse a se casar, a bela professora deparou-se com um mosaico de homens solteiros lutando por suas atenções, desde o pastor local até um detestável barão. Um doce beijo selaria aquele amor... James Marbury, conde de Denham, era moderno e sofisticado... e totalmente desacostumado às estradas lamacentas e aos telhados de palha de Faires, para onde viera depois de saber do falecimento de seu primo Stuart. E sem demora ficou exasperado ao descobrir que seu amor louco e intenso pela viúva Emma continuava tão forte quanto antes. Diante de tantos homens solteiros que a cortejavam, James encontrou uma única solução: oferecer-se como marido temporário para Emma... mesmo que secretamente ele desejasse fazer seus votos durarem para sempre.

Romance de época | 238 páginas | Editora Essência | Esta resenha foi postada primeiramente no blog Brilliant Diamond ❤

Olá, como vão? Eu sempre ressalto que sou uma pessoa apaixonada por romances de época e quando li esse livro, não foi diferente, me apaixonei mais uma vez pelo gênero e aumentei meu amor pela escrita da Patricia/Meg Cabot. A mulher sabe muito bem fazer livros! Nesta obra publicada pela Editora Essência, conhecemos Emma. Uma menina órfã de apenas 18 anos que possui o sonho de se casar com o homem que ela ama. Só que todos esperavam que ela se casasse com James Marbury, o Conde de Denham. Apesar dele ser rico, bonito e atencioso em relação a Emma, ele não é o homem que ela procura como marido e sim, o primo dele. Disposta a tudo, ela foge com o primo de James para a Escócia e os dois se casam lá.

Mas a sorte da mulher recém-casada tem tudo para virar azar. Além de romper com a família e James que era contra o casamento, seis meses depois, seu marido que era um cura (pastor) acabou falecendo, deixando ela vivendo em péssimas condições já que a vida dos curas eram bem modestas e Emma acabou optando por ser professora das pequenas crianças do vale. Com a morte do marido, Emma recebeu 10 mil libras do homem que o matou como forma de pedir desculpas, mas para que ela botasse as mãos na fortuna, ela precisaria casar-se novamente. E nos seis meses seguintes, Emma vai recebendo as propostas mais engraçadas e absurdas possíveis.

3 autores que eu não consegui gostar

O mercado editorial tem aberto muitas oportunidades para diversos autores amadores poderem mostrar um pouco do seu trabalho. Eu já li muitas obras de autores que pouco são conhecidos e me surpreendi bastante com a genialidade de alguns e com o talento de outros para conseguir escrever histórias que nos cativam e ao mesmo tempo partem nosso coração. Mesmo não me considerando alguém difícil de agradar já que qualquer clichê me apetece, eu acabei criando uma certa inimizade com alguns autores, e mesmo com tantas obras deles sendo tão elogiadas, eu simplesmente não consigo gostar de sua narrativa ou história. Por isso, reservei esse post para falar justamente desses autores que eu conheço, leio seus livros mas que não consigo gostar. Será que você adivinha quais podem ser?

Minhas canções favoritas da Disney!

Esses dias eu estava acompanhando o Rebobina no blog da Bia, o Lua Literária e gostei bastante de algumas ideias que elas trouxeram para esse especial. Quando vi um post sobre as trilhas sonoras da Disney, juro que eu quase chorei de tanta saudade e nostalgia. Então, resolvi fazer um gancho deste post e falar sobre as minhas músicas da Disney favoritas! É claro que há váaarias, já que os personagens da Disney me acompanham desde criancinha, mas sempre tem aquelas que você simplesmente ama ou não consegue esquecer, no meu caso, que me faz cantar junto e se depender, faço até segunda voz. Então embarque comigo nessa aventura e vamos matar a saudade!

[Resenha] Uma chance para recomeçar - Diana Scarpine

Carina é uma workaholic rica e bem-sucedida cuja vida se resume ao trabalho. Afogada em estresse, ela não se importa com a solidão que habita seu coração, pois o amor nunca foi uma das suas prioridades, até que algo inusitado acontece. Repentinamente, ela se vê privada do trabalho e deseja aplacar a solidão que a consome, principalmente quando conhece Aurélio, que a trata de uma forma diferente da qual ela está acostumada. Consumido pela tragédia que vitimou sua família e deixou-lhe sequelas físicas e emocionais, Aurélio não quer nada além de se afundar cada vez mais na dor e na culpa que sente. Suas certezas começam a ficar abaladas à medida que Carina se aproxima cada vez mais dele. Quantos obstáculos precisam ser vencidos para recomeçar? O amor é capaz de vencer as amarras do passado e o preconceito?

Romance | 432 páginas | Editora Pandorga |  Este livro foi cedido em parceria com a autora

Carina é uma moça que se dedica em tempo integral ao trabalho, fato que acabou a tornando uma workaholic. O problema é que Carina acabou tendo uma paralisia facial de tanto estresse e pressão que sofria no trabalho. Com medo da rejeição das pessoas e de nunca mais voltar a ser como era antes, ela começa a fazer fisioterapia para tentar resolver o problema. Lá nessa clínica, ela acaba esbarrando em um homem que estava sentado na frente do prédio. Com vergonha, Carina não olha para ele e apenas pede desculpas. 

Esta pessoa viria a ser Álvaro, um dos massagistas da clinica. Quando mais novo, Álvaro sofreu um acidente de carro que matou sua mulher e sua filha, além de deixar 50% do seu corpo queimado e o deixado cego. As sequelas que ficaram em seu corpo assustam as pessoas e ele mesmo se denomina um monstro por causa delas. Carina acaba marcando uma massagem com Álvaro e se assusta com sua aparência e com suas mãos deformadas. Mas há algo nele que lhe é estranhamente atraente e assim Carina tenta se inserir na vida de Leo como uma amiga, coisa que ele não quer, já que depois de tanto tempo, Carina começou a despertar sentimentos nele que ele não quer entender.
Foto por Leitora Encantada