7 livros para ler antes das aulas

Oi, como vão? Volta às aulas está aí e para minha sorte, as minhas somente começam no dia 07/03. Nesse meio tempo, venho lendo muitos livros e ontem mesmo peguei um livro que estava há meses empacado na minha estante e me surpreendi por ter terminado ele em algumas horas. Por isso, resolvi me auto desafiar com sete livros para ler antes de começar as aulas. Escolhei esses livros porque eles estavam atrasados ou porque sentia preguiça de começar, então quem sabe eu não consiga enfim lê-los nesse tempo?

Os livros que escolhi foram:
A garota do calendário: Janeiro - Audrey Carlan
Uma longa jornada - Nicholas Sparks
Veneno - Sarah Pinborough
Por lugares incríveis - Jennifer Niven
Ligações - Rainbow Rowell
O começo de tudo - Robyn Schneider
Sangue Quente - Isaac Marion

Foto por Leitora Encantada
Os livros não precisam ser lidos em ordem e assim que terminar algum, venho correndo neste post riscar os nomes deles, e claro, trazendo as resenhas para vocês. Se você quiser também participar desse desafio, é muito simples. Estipule um prazo de até uma semana, escolha sete livros e se desafie!
Beijão.


[Resenha] Acesso aos bastidores - Olivia Cunning

Myrna é professora de psicologia e fanática pela banda Sinners. Especialmente por Brian Sinclair, o guitarrista e compositor que, além de talentoso, é deliciosamente lindo. Ela se surpreende ao encontrar a banda no mesmo hotel em que está hospedada para participar de uma conferência. Mais surpreendente ainda é, após alguns drinques juntos, despertar o desejo de Brian. Ela sabe que a vida de astro de rock tem um preço e estaria feliz deixando essa paixão para trás. Mas será que Brian e Myrna conseguirão ficar separados? Quando o passado de Myrna ameaça sua vida, Brian precisa decidir se aquilo que tiveram juntos não é a resposta que ele buscava há tanto tempo.

Erótico | 328 páginas | Editora Paralela | Este livro faz parte do projeto NA por mês 

O que você faria se encontrasse sua banda preferida bebendo e se divertindo no mesmo hotel onde você está hospedada? Com certeza você iria querer dar um oi, pedir autógrafos a eles. Myrna é uma acadêmica formada na psicologia da sexualidade humana, e está participando de uma conferência sobre o assunto em um hotel, e acabou passando por essa mesma situação. A banda Sinners composta por Sid (vocal), Jace (bateria), Eric (baixo) e Trey e Brian (guitarras) estão justamente ali, em sua frente, bebendo algo e conversando animadamente entre si. 

Ela se sente atraída por todos, mas Brian Sinclair é aquele que mais admira por criar rifs e solos de guitarra como ninguém. O que ela não esperava é que o romântico incurável da banda acabaria se interessando por ela, mesmo tendo todas as mulheres que quisesse em sua cama. Os dois então passam alguns dias juntos e um desejo imenso de estar ao lado um do outro surge. O problema é que Myrna já sofreu demais com seu ex-marido e não quer um relacionamento, já Brian se apaixona fácil demais e fará de tudo para que Myrna seja dele. Será que o charme do astro de rock conseguirá conquistar o coração dessa moça?

[Resenha] Paixão sem limites - Abbi Glines

Ele podia ter tudo que quisesse. Menos ela. Blaire Wynn não teve uma adolescência normal. Ela passou os últimos três anos cuidando da mãe doente. Após a sua morte, Blaire foi obrigada a vender a casa da família no Alabama para arcar com as despesas médicas. Agora, aos 19 anos, está sozinha e sem lugar para ficar. Então não tem outra escolha senão pedir ajuda ao pai que as abandonara. Ao chegar a Rosemary, na Flórida, ela se depara com uma mansão à beira-mar e um mundo de luxo completamente diferente do seu. Para piorar, o pai viajou com a nova esposa para Paris, deixando Blaire ali sozinha com o filho dela, que não parece nada satisfeito com a chegada da irmã postiça. Rush Finlay é filho da madrasta de Blaire com um famoso astro do rock. Ele tem 24 anos, é lindo, rico, charmoso e parece ter o mundo inteiro a seus pés. Extremamente sexy, orgulha-se de levar várias garotas para a cama e dispensá-las no dia seguinte. Blaire sabe que deve ficar longe dele, mas não consegue evitar a atração que sente, ainda mais quando ele começa a dar sinais de que sente a mesma coisa. Convivendo sob o mesmo teto, eles acabam se entregando a uma paixão proibida, sobre a qual não têm nenhum controle. Mas Rush guarda um segredo que Blaire não deve descobrir e que pode mudar para sempre as suas vidas.

New adult | 192 páginas | Editora Arqueiro | Esta resenha foi postada primeiramente no blog Brilliant Diamond ❤ 

Blaire, uma garota de 19 anos acabou de chegar Na cidade de Rosemary. Ela tem passado por maus bocados: além de ter perdido a irmã gêmea em um acidente de carro onde seu pai estava dirigindo há cinco anos, ela ainda teve que lidar com o abandono dele depois e em seguida a doença de sua mãe, que a consumiu por três longos anos fazendo-a parar de estudar e a trabalhar cedo para pagar as contas de hospitais.

Agora sem ninguém e sem dinheiro, ela terá que procurar ajuda de seu pai e esse prontamente a acolhe em sua casa. Mas quando chega lá, Blaire descobre que seu pai viajou e se depara com uma festa na linda mansão comandada pelo filho de sua madrasta, Rush Finlay, que também é filho de uma estrela do rock. Desde já, Rush trata Blaire muito mal e já mostra que não está contente com a vinda dela para a casa dele, mas em um momento de remorso, ele a deixa dormir no quartinho embaixo da escada até ela arrumar outro lugar para ir.

Tag: Carnaval Literário

Oi, gente! Estamos em clima de Carnaval, certo? E nada melhor do que comemorar com uma tag! Encontrei-a no blog Lendo e Apreciando e achei muito divertida e original. Como não sabemos quem criou, se você sabe, deixe aqui o nome do blog para darmos os devidos créditos, e se você sente -se interessado em fazer, fique à vontade!

5 bebidas para acompanhar um bom livro

Eu sempre fui de ficar beliscando alguma coisa enquanto lia um livro, isso é fato, então resolvi compartilhar com vocês cinco bebidas maravilhosas para acompanhar enquanto nós leitores estamos fazendo a coisa que mais gostamos: ler! 

1. CAFÉ
Infelizmente ainda vejo muitas pessoas que não gostam de café, e por enquanto eu ainda não encontrei nada melhor para acompanhar um livro do que esta bebida. Nada melhor do que ler um livro naquele dia nublado, debaixo das cobertas sendo acompanhado por esta delícia. Por ter cafeína, o café pode ajudar também na concentração.

[Resenha] Pode beijar a noiva - Patrícia Cabot

Apenas um homem poderia propor a ela casamento... Emma Van Court, dama de uma família londrina, jamais esperava ficar viúva e sem vintém na aldeia escocesa de Faires. E quando uma fortuna lhe foi prometida, se ela tornasse a se casar, a bela professora deparou-se com um mosaico de homens solteiros lutando por suas atenções, desde o pastor local até um detestável barão. Um doce beijo selaria aquele amor... James Marbury, conde de Denham, era moderno e sofisticado... e totalmente desacostumado às estradas lamacentas e aos telhados de palha de Faires, para onde viera depois de saber do falecimento de seu primo Stuart. E sem demora ficou exasperado ao descobrir que seu amor louco e intenso pela viúva Emma continuava tão forte quanto antes. Diante de tantos homens solteiros que a cortejavam, James encontrou uma única solução: oferecer-se como marido temporário para Emma... mesmo que secretamente ele desejasse fazer seus votos durarem para sempre.

Romance de época | 238 páginas | Editora Essência | Esta resenha foi postada primeiramente no blog Brilliant Diamond ❤

Olá, como vão? Eu sempre ressalto que sou uma pessoa apaixonada por romances de época e quando li esse livro, não foi diferente, me apaixonei mais uma vez pelo gênero e aumentei meu amor pela escrita da Patricia/Meg Cabot. A mulher sabe muito bem fazer livros! Nesta obra publicada pela Editora Essência, conhecemos Emma. Uma menina órfã de apenas 18 anos que possui o sonho de se casar com o homem que ela ama. Só que todos esperavam que ela se casasse com James Marbury, o Conde de Denham. Apesar dele ser rico, bonito e atencioso em relação a Emma, ele não é o homem que ela procura como marido e sim, o primo dele. Disposta a tudo, ela foge com o primo de James para a Escócia e os dois se casam lá.

Mas a sorte da mulher recém-casada tem tudo para virar azar. Além de romper com a família e James que era contra o casamento, seis meses depois, seu marido que era um cura (pastor) acabou falecendo, deixando ela vivendo em péssimas condições já que a vida dos curas eram bem modestas e Emma acabou optando por ser professora das pequenas crianças do vale. Com a morte do marido, Emma recebeu 10 mil libras do homem que o matou como forma de pedir desculpas, mas para que ela botasse as mãos na fortuna, ela precisaria casar-se novamente. E nos seis meses seguintes, Emma vai recebendo as propostas mais engraçadas e absurdas possíveis.

3 autores que eu não consegui gostar

O mercado editorial tem aberto muitas oportunidades para diversos autores amadores poderem mostrar um pouco do seu trabalho. Eu já li muitas obras de autores que pouco são conhecidos e me surpreendi bastante com a genialidade de alguns e com o talento de outros para conseguir escrever histórias que nos cativam e ao mesmo tempo partem nosso coração. Mesmo não me considerando alguém difícil de agradar já que qualquer clichê me apetece, eu acabei criando uma certa inimizade com alguns autores, e mesmo com tantas obras deles sendo tão elogiadas, eu simplesmente não consigo gostar de sua narrativa ou história. Por isso, reservei esse post para falar justamente desses autores que eu conheço, leio seus livros mas que não consigo gostar. Será que você adivinha quais podem ser?

Minhas canções favoritas da Disney!

Esses dias eu estava acompanhando o Rebobina no blog da Bia, o Lua Literária e gostei bastante de algumas ideias que elas trouxeram para esse especial. Quando vi um post sobre as trilhas sonoras da Disney, juro que eu quase chorei de tanta saudade e nostalgia. Então, resolvi fazer um gancho deste post e falar sobre as minhas músicas da Disney favoritas! É claro que há váaarias, já que os personagens da Disney me acompanham desde criancinha, mas sempre tem aquelas que você simplesmente ama ou não consegue esquecer, no meu caso, que me faz cantar junto e se depender, faço até segunda voz. Então embarque comigo nessa aventura e vamos matar a saudade!

[Resenha] Uma chance para recomeçar - Diana Scarpine

Carina é uma workaholic rica e bem-sucedida cuja vida se resume ao trabalho. Afogada em estresse, ela não se importa com a solidão que habita seu coração, pois o amor nunca foi uma das suas prioridades, até que algo inusitado acontece. Repentinamente, ela se vê privada do trabalho e deseja aplacar a solidão que a consome, principalmente quando conhece Aurélio, que a trata de uma forma diferente da qual ela está acostumada. Consumido pela tragédia que vitimou sua família e deixou-lhe sequelas físicas e emocionais, Aurélio não quer nada além de se afundar cada vez mais na dor e na culpa que sente. Suas certezas começam a ficar abaladas à medida que Carina se aproxima cada vez mais dele. Quantos obstáculos precisam ser vencidos para recomeçar? O amor é capaz de vencer as amarras do passado e o preconceito?

Romance | 432 páginas | Editora Pandorga |  Este livro foi cedido em parceria com a autora

Carina é uma moça que se dedica em tempo integral ao trabalho, fato que acabou a tornando uma workaholic. O problema é que Carina acabou tendo uma paralisia facial de tanto estresse e pressão que sofria no trabalho. Com medo da rejeição das pessoas e de nunca mais voltar a ser como era antes, ela começa a fazer fisioterapia para tentar resolver o problema. Lá nessa clínica, ela acaba esbarrando em um homem que estava sentado na frente do prédio. Com vergonha, Carina não olha para ele e apenas pede desculpas. 

Esta pessoa viria a ser Álvaro, um dos massagistas da clinica. Quando mais novo, Álvaro sofreu um acidente de carro que matou sua mulher e sua filha, além de deixar 50% do seu corpo queimado e o deixado cego. As sequelas que ficaram em seu corpo assustam as pessoas e ele mesmo se denomina um monstro por causa delas. Carina acaba marcando uma massagem com Álvaro e se assusta com sua aparência e com suas mãos deformadas. Mas há algo nele que lhe é estranhamente atraente e assim Carina tenta se inserir na vida de Leo como uma amiga, coisa que ele não quer, já que depois de tanto tempo, Carina começou a despertar sentimentos nele que ele não quer entender.
Foto por Leitora Encantada

Os pais mais filhos da p*ta dos livros

Desculpem o palavreado mas quem nunca se revoltou com algum personagem por suas ações? Como vocês devem saber, é muito comum que os new-adults tenham bastante dramas familiares envolvendo os personagens principais. Quantas e quantas vezes lemos um enredo regado a muito ressentimento e falta de perdão? Isso é tão comum que se tornou uma coisa banal nos livros do gênero, coisa que eu nem me importo de verdade, já que acho que isso deixa a história bem mais emocionante. 

O que acontece é que sempre existem aqueles personagens que você simplesmente quer matar! E a maioria deles, infelizmente são os pais dos nossos protagonistas. Nunca entendi mas estes precisam levar o prêmio de babacas do ano. Acho que nunca senti tanta raiva de alguém como eu sinto quando vou ler alguma das negligências e injustiças que estes pais fizeram com seus filhos. Por isso, hoje vou falar sobre os pais literários mais filhos da puta da história dos livros.

Aniversário de um ano do blog: Participe e concorra a três livros!

No dia 14.03.2016 eu resolvi criar um blog. Um espaço onde eu pudesse compartilhar todas as experiências literárias que eu já tive, afim de que as pessoas pudessem tirar suas dúvidas ou até mesmo compartilhar suas opiniões comigo. Em nenhum momento achei que conseguiria fazer com que o blog crescesse durante esse ano que passou. O aniversário ainda está longe, mas eu já estou aqui comemorando! 

Primeiramente agradeço a vocês leitores! Se não fosse por vocês, eu jamais conseguiria persistir nesse hobby que acabou virando uma parte de mim. Blogar não é somente escrever e postar, é colocar emoções e sentimentos em cada palavra que você quer compartilhar com o mundo. 

Depois de tantas mudanças que fiz além de urls, layouts e conteúdo, o Leitora Encantada nasceu, e veio para ficar. Nesse tempo, conheci pessoas maravilhosas e encantadoras e posso dizer que tornaram-se minhas amigas. Acredito que neste ano também farei diversas outras amizades, pois aqui entendo que todo mundo faz parte de um mesmo plano: levar informações legais e interessantes as pessoas.

Por isso, mais uma vez agradeço a vocês e a todas as pessoas que me ajudaram e me apoiaram. Escrever se mostrou uma forma única de expressar o que estou sentindo, seja quando faço uma resenha ou quando falo sobre qualquer outro assunto. E como eu estou um mês adiantada com este post, eu vim trazer um sorteio para vocês, que se encerrará no dia do aniversário do blog. Fique ligado as regras e boa sorte!
REGRAS
O sorteio terá início no dia 16/02 e vai até o dia 14/03;
É preciso ter e-mail válido para participar do sorteio para que possamos fazer contato;
É preciso ter endereço de entrega em território nacional;
Na opção de "Visitar a página", você deverá CURTIR a página do blog no Facebook;
Se caso você descumprir alguma das regras do sorteio, você será desclassificado;
O ganhador terá o prazo de uma semana (7 dias) para responder o e-mail que o blog enviará para ele. Caso não ocorra a resposta, um novo ganhador será sorteado;
O blog terá o prazo de 60 dias úteis para enviar o prêmio ao vencedor.   


a Rafflecopter giveaway

Como comprar livros e saber que ele é o certo?

O mercado editorial tem crescido bastante e várias editoras tem apostado em autores desconhecidos que podem vir a fazer sucesso um dia. Isso é ótimo para nós leitores porque conseguimos ter uma gama de livros diferentes para comprar e ler. Quem não gosta dos lançamentos maravilhosos que temos a cada mês? Pois é, mas comprar um livro pode ser difícil apesar de parecer fácil. Como podemos comprar livros sem nos arrepender? Saber que ele é bom? No post de hoje vou dar umas dicas importantes para você quando for fazer suas compras!

Dica nº 1:  "Nunca julgue um livro pela capa"
Difícil fazer isso mas é o que nós leitores costumamos fazer. Qual é, admita! Quem quer comprar um livro com uma capa feia para ficar na estante? Ninguém, eu pelo menos não. Mas mesmo que tentemos não julgar, as capas bonitas sempre nos vendem a imagem que terá uma história encantadora por trás dela, e ás vezes isso realmente acontece, mas nem sempre temos sorte e isso pode vir a ser um fracasso total. Por isso, essa frase mais do que se aplica a nosso caso. Quando for comprar um livro, analise bem o que a capa quer transmitir, mesmo que seja feia, e pense muito bem antes de querer comprá-lo. Mas antes disso, há outras dicas que podem te ajudar ainda mais. Então continue lendo...

[Resenha] O par perfeito - Nora Roberts

Mesmo sendo conhecido como o mais durão dos irmãos, Ryder Montgomery deixa as mulheres aos seus pés quando coloca seu cinto de ferramentas. Nenhuma delas é imune a seu jeito sexy quando está no trabalho. Sem contar, é claro, Hope Beaumont, a gerente da Pousada BoonsBoro.
Ex-funcionária de um luxuoso hotel em Washington, Hope está acostumada à agitação e ao glamour, porém isso não significa que ela não aprecie os prazeres da cidade pequena. Sua vida está exatamente como ela deseja – exceto pela questão amorosa. Sua única interação com alguém do sexo oposto são as frequentes discussões com Ryder, que sempre lhe dá nos nervos. Ainda assim, qualquer um vê que há uma química inegável entre os dois.
Enquanto o dia a dia na pousada transcorre sem problemas graças aos instintos infalíveis de Hope, algumas pessoas de seu passado estão prestes a lhe fazer uma indesejável – e humilhante – visita. Mas, em vez de se afastar ao descobrir que Hope tem seus defeitos, Ryder só fica mais interessado por ela. Será que pessoas tão diferentes podem formar um par perfeito?
No livro que encerra a trilogia A Pousada, Nora Roberts apresenta Ryder Montgomery, que, ao tentar driblar o amor refugiando-se no trabalho, acabou sendo surpreendido pelo sentimento mais nobre e profundo que já teve.

Romance | 320 páginas | Editora Arqueiro | Esta resenha pode conter spoilers dos outros livros

Esse foi o livro da série A Pousada que eu estava mais ansiosa para ler pois adoro quando o casal principal não se suportam mas no fundo no fundo, eles se desejam. Hope Beaumont deixou seu trabalho de gerente em um hotel luxuoso na cidade após sofrer uma grande decepção amorosa com o filho do seu chefe. Depois de ter sido convidada para ser gerente da Pousada Boonsboro, Hope sente que enfim tem um lar e amigos de verdade em sua vida.

Ryder é o filho mais velho do trio Montgomery. É ele que está encarregado de comandar os operários em cada construção que a empreiteira da família está trabalhando, e isso inclui o maravilhoso trabalho que eles fizeram na Pousada Boonsboro, que agora está finalmente inaugurada e de portas abertas.  Mas desde o primeiro livro, Ryder se mostra rude em relação a nova gerente. Esse embate dos dois acabou gerando um beijo na noite de Ano Novo, no segundo volume e é nesse terceiro que eles irão viver um romance.

Perfeita é a mãe!

Minhas irmãs estavam procurando um filme na Netflix para assistirem e o escolhido da vez foi Perfeita é a mãe!. Eu não estava afim de ver o filme, tanto que já estava até deitada, mas quando se trata da Mila Kunis, eu resolvi dar uma olhada e acabei não somente assistindo o filme inteiro mas amando cada segundo.

Perfeita é a mãe! é uma comédia que tem em foco a vida de Amy Mitchell, casada e mãe de dois filhos, sua vida aparentemente é um sucesso. Mas além de ter que lidar com a vida materna levando e buscando os filhos na escola, fazendo comida para o marido todo santo dia, ela ainda precisa lidar com o trabalho que cada vez suga mais dela e assim, Amy se vê em desespero ao perceber que está cansada de lidar com tudo sozinha.

"Entrelace: caminhos que se cruzam por acaso" já está disponível na Amazon!

Carol é uma mulher insegura e preconceituosa, que tem um relacionamento virtual com Henri, um homem forte e independente, que enfrenta as adversidades que a vida lhe impõe. Aparentemente apaixonados, embora nunca tenham se visto pessoalmente, eles anseiam transpor o namoro virtual para o real, mas o tão sonhado primeiro encontro não acontece como planejaram e eles rompem o relacionamento. Por mais que tentem se manter afastados, os destinos de Henri e Carol foram  irremediavelmente entrelaçados e seus corações, unidos pelo amor, mas implacavelmente afastados pelo preconceito. O amor será capaz de vencer esse profundo e intenso embate contra o preconceito? Ou o preconceito será capaz de subjugar o amor presente no coração de uma mulher?
Conheça a autora
Diana Scarpine é baiana da cidade de Jequié, possui graduação em Ciências Biológicas, mestrado na área de saúde e atualmente cursa doutorado, no qual tem se dedicado ao estudo da deficiência e da Tecnologia Assistiva. Apaixonada por literatura, escreve desde os treze anos de idade, transitando entre a prosa e a poesia. Além de “Uma Chance para Recomeçar”, é autora de “Entrelace: Caminhos que se Cruzam ao Acaso” (1ª edição: 2012/ 2ª edição a ser publicada em janeiro de 2017).

[Resenha] Cinder & Ella - Kelly Oram

Já faz quase um ano que Ella Rodriguez fez dezoito anos de idade, e esteve em um acidente de carro que a deixou incapacitada, com cicatrizes, e sem sua mãe. Após uma recuperação muito difícil, ela teve que atravessar o país e ficar sob a custódia de um pai que a abandonou quando ela era uma criança. Se Ella quiser escapar da casa de seu pai e sua nova família adotiva horrível, ela deve convencer os médicos de que ela é capaz, tanto física como emocionalmente, de viver sozinha. O problema é que ela não está pronta ainda. A única maneira que ela pode pensar em começar a se curar é se reconectando com a única pessoa que lhe restou no mundo, aquela com quem ela teve algum vínculo, seu melhor amigo da Internet, Cinder. ... Sensação Hollywood Brian Oliver tem uma reputação de ser problema. Há grande burburinho em torno de sua atuação em seu próximo filme The Druid Prince, mas a seus empresários avisaram que ele não vai deixar o posto de ator paixão de adolescentes para ator sério de primeiro escalão, a menos que possa provar que ele deixou seus dias de aventuras para trás e se tornou um adulto maduro. A fim de acabar com a fama bad-boy de Brian, seus empresários criam um noivado falso dele e sua colega Kaylee. Brian não está feliz com o arranjo, ou sua falsa noiva, mas decide que ele vai sofrer por ela, se isso significa que ele vai ganhar uma indicação ao Oscar. Mas um e-mail inesperado de uma velha amiga de Internet muda tudo.

New-adult, Chick-lit, Ficção | 269 páginas | Editora Pandorga

Ellamara Rodriguez é uma moça de 18 anos e é blogueira. Por ter o assunto principal de seus posts os livros, Ella acabou conhecendo Cinder, um menino que defendeu seriamente um dos personagens da séries mais famosa O Príncipe Druída. Ambos sabem que nunca poderiam se conhecer pessoalmente já que ela mora em Boston e Cinder na Califórnia, mas eles nutrem um sentimento confuso e diferente um pelo outro. Até que no dia da comemoração de seu aniversário, Ella e sua mãe acabam sofrendo um acidente de carro enquanto estavam indo viajar. O carro pegou fogo, Ella ficou com mais de 70% do corpo queimado, exceto o rosto e acabou perdendo a mãe.

Depois de oito meses de recuperação no hospital, e uma tentativa de suicídio mal sucedida, Ella vai morar com seu pai na Califórnia, aquele que a abandonou quando tinha somente 8 anos de idade. Revoltada em ter que morar com o novo pai, a madrasta e as duas irmãs, Ella precisa mostrar que é mentalmente e fisicamente capaz de virar-se sozinha, e pra isso ela precisa criar novos amigos que seriam sua base para este processo. Então ela resolve falar com Cinder, aquele seu antigo amigo do blog. 
Foto por Leitora Encantada

Conheça o livro Rumor do autor Leonardo Torres

Sinopse: Ser ou parecer? Faz diferença no mundo das celebridades? Foi um mal entendido que levou o nome da modelo Dalila Arce aos principais sites de fofoca, apontada como a nova namorada do roqueiro internacional Zac Cullum, que ela nunca viu na vida. Com o rumor, vieram os convites para vários trabalhos e muita bajulação. Como ela poderia desmentir tudo com tantas portas se abrindo? Da noite para o dia, Dalila se torna o nome do momento e se vê obrigada a administrar uma rede de mentiras que cresce mais ainda quando, de fato, conhece o cantor. A mídia já fala em casamento. Será?
Uma história sobre uma garota que se deixou levar e perdeu o controle – e a noção! – do que é verdadeiro ou falso, incluindo seus próprios sentimentos.

Leia o primeiro capítulo | Compre | Adicione no Skoob

Conheça o autor
Leonardo Torres é jornalista, escritor e blogueiro. Seu primeiro livro, “Condenáveis – Uma História de Filho e Pai”, foi lançado de forma independente em 2012, com conteúdo autobiográfico. Na obra, o autor conta como descobriu pela TV sobre a prisão do pai e como a notícia inspirou uma reflexão profunda sobre seus laços familiares.
Seu novo título é “Rumor”, uma ficção, que trata do relacionamento forjado entre uma modelo brasileira e um roqueiro americano: tudo por visibilidade na mídia. O livro sai pela editora Multifoco.
Formado em Comunicação Social, com especialização em Jornalismo Cultural, o escritor atualmente cursa o mestrado em Artes da Cena. Leonardo escreve sobre música pop para o Portal POPline e sobre a cena teatral carioca no Teatro em Cena, fundado por ele. 

[Resenha] Santa Clarita Diet na Netflix

Divulgação Netflix

              Oi, gente! Pra quem não me conhece, meu nome é Clarissa, sou dona do blog Próxima Primavera e agora sou a nova resenhista do Leitora Encantada! Vou procurar fazer várias resenhas de livros, séries e filmes bem legais que vejo por aí, fechou? Estou bem feliz nesse começo e decidi trazer uma resenha da nova série do Netflix que está bombando por aí. Nunca ouviu falar de Santa Clarita Diet? Então acompanha aí o post que você vai certamente ficar querendo assistir o mais rápido possível.

Resultado de imagem para santa clarita diet
Foto por The Sun

       Para os fãs de zumbi de plantão, Santa Clarita Diet pode parecer mais uma produção fajuta que ironiza toda a fama desse gênero pelo mundo. Mas pra quem ama uma comédia, a série realmente cumpriu seu papel direitinho. Com a Drew Barrymore no elenco, acho que não era pra menos. A atriz foi o grande destaque da série e rendeu muitos elogios por sua impecável atuação, e sinceramente, todos merecidos. Drew realmente incorporou a personagem Sheila, que tem uma revira-volta marcante na 1ª temporada.

[Resenha] Codinome Lady V - Lorraine Heath

Cansada de rejeitar pretendentes interessados apenas em seu dote escandalosamente vultoso, Minerva Dodger decide que é melhor ser uma solteirona do que se tornar a esposa de alguém que só quer seu dinheiro. No entanto, ela não está disposta a morrer sem conhecer os prazeres de uma noite de núpcias e, assim, decide ir ao Clube Nightingale, um misterioso lugar que permite que as mulheres tenham um amante sem manchar sua reputação.
Protegida por uma máscara e pelo codinome Lady V, Minerva mal consegue acreditar que despertou o desejo de um dos mais cobiçados cavalheiros da sociedade londrina, o Duque de Ashebury. E acredita menos ainda quando ele começa a cortejá-la fora do clube. Por mais que ele seja tudo o que ela sempre sonhou, Minerva não pode correr o risco de ele descobrir sua identidade, e não vai tolerar outro caçador de fortunas.
Depois de uma noite de amor com Lady V, Ashe não consegue tirar da cabeça aquela mulher de máscara branca, belas pernas e língua afiada. Mesmo sem saber quem ela é, o duque nunca tinha ficado tão fascinado por nenhuma outra mulher antes.
Mas agora, à beira da falência, ele precisa arranjar muito dinheiro, e rápido. Sua única saída é se casar com alguma jovem que tenha um belo dote, e sua aposta mais certeira é a Srta. Dodger, a megera solteirona que tem fama de espantar todos os seus pretendentes.

Romance de época |  256 páginas | Editora Gutenberg

Minerva Dodger é uma solteirona convicta que já vai para sua sexta temporada em busca de casamento. Desejando um casamento igual ao dos pais, ela rejeita todos os pretendentes que sabe que nunca poderiam lhe dar amor ou que estão somente atraídos por seu dote, que é um dos maiores de toda Londres. Cansada de esperar o pretendente certo, Minerva decide que precisa descobrir os prazeres da carne antes que seja tarde demais, e por isso vai ao Clube Nightingale. Um clube secreto onde as mulheres da sociedade levam seus amantes ou podem encontrar um por lá.

Mesmo sabendo que poderia correr o risco de alguém reconhecê-la. Minerva não quer perder a oportunidade. Munida com uma minúscula roupa que mostra mais do que deveria e uma máscara branca com penas, ela se depara com o olhar sedutor e sorriso encantador do Duque de Ashebury. Ashe perdeu seus pais quando tinha 8 anos em um terrível acidente ferroviário, então ele e mais dois órfãos foram morar com o Marquês de Havisham, que acabou ficando louco após a morte de sua esposa. Então, ele e os gêmeos e o filho do marquês acabaram se tornando amigos e conhecidos em Londres como Os Diabos de Havisham.

Cinquenta Tons Mais Escuros

Não sou muito apta a fazer resenhas de filme, mas resolvi compartilhar com vocês a minha experiência com o filme Cinquenta Tons Mais Escuros, segundo filme da trilogia Cinquenta Tons. Como todos sabem, neste segundo volume, Anastasia e Christian Grey estão separados pois Ana não entende a necessidade de Grey de submetê-la. Porém, vemos o irresistível bilionário se render aos encantos da paixão e pedir uma segunda chance com a moça.

5 fatos literários sobre mim

Oi, como vão? Acredito que todos nós leitores tenhamos algumas manias literárias que só quem realmente gosta de ler entende. Como cheirar livros novos. Quem nunca o fez? É tipo aquela mania universal que quase todo mundo tem! Há quem diz que quem não gosta de cheirar livros, é porque não é um leitor de verdade.

Por isso, resolvi compartilhar com vocês alguns fatos literários sobre mim. Coisas realmente bem aleatórias sobre a minha pessoa, assim vocês podem me conhecer melhor e eu conhecer vocês também, então não esquece de comentar lá no final se vocês se identificam com alguma das coisas que irei citar aqui. Vamos lá?

7 personagens de romances de época que eu amo

O gênero romance de época vem conquistando o coração dos leitores, e o ano de 2017 ainda promete muitos outros lançamentos para alegrar nós leitores. Eu já li o total de dez séries desses romances e confesso que nunca me canso. Mesmo não saindo do clichê, é maravilhoso ver esses jovens libertinos se deixarem capturar pelas artimanhas do amor. E claro, não poderia deixar de comentar sobre as personagens femininas aqui, que são simplesmente maravilhosas. Todas tem suas próprias características, mas é através delas que o leitor fica cada vez mais cativado pela obra em si. Neste top 7, vim falar sobre as personagens de romances de época que eu mais amo!

[Desabafos de uma Leitora] Afinal, plágio é crime ou não é?

Quem nunca copiou um texto da Wikipédia quando o assunto era trabalho de escola? É impossível que nós, alunos, fizéssemos todos os trabalhos do colegial sem copiar uma coisinha sequer. O Ctrl V + Ctrl C ficou bastante famoso com a globalização, já que 2/3 da população tem acesso à internet. Então pra quê escrever se eu posso simplesmente procurar em algum site e colar?

O que acontece é que mesmo que nós não nos importemos muito com isso pela falta de maturidade de nossa parte, isso acaba enfurecendo e até chateando muitos autores que tiveram todo o trabalho para criar aquele artigo. Mas afinal, plagio é crime ou não? De acordo com o Art. 184 do Código Penal, é sim:

Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)
Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)

O que acontece é que recentemente descobri que uma das minhas resenhas postadas aqui no blog foi plagiada. A pessoa copiou todo o corpo do texto e postou no Instagram como se fosse de sua autoria, o que me chateou bastante. Fico pensando, será que a pessoa estava com tanta preguiça de ler o livro que preferiu copiar? Não seria melhor se ela não comprometesse a ler?
Não sei se alguém já passou por algo semelhante, mas acredito que isso não agradaria ninguém. Pelo visto, a falta de respeito tanto para com o autor do livro tanto para o autor da resenha prevalece, a antiética é o pior delas. É claro que não dá para prender uma pessoa somente por isso, mas fiquei bastante triste de ver um trabalho meu ser repassado com outra autoria.

Eu decidi não divulgar mais informações sobre o perfil, mas ainda estou considerando o que realmente irei fazer a respeito. Isso também serve de aviso aos demais blogueiros. Se vocês perceberam que alguma resenha ou post está bastante semelhante a algum outro post que você tenha visto, avise essa pessoa para ela tomar as demais providências. Ou se caso for você que quer compartilhar alguma informação interessante escrita por outra pessoa, nunca esqueça de colocar os devidos créditos.

No mais, se você já passou por algo do tipo, quero que fale comigo como foi sua experiência e o que você fez em relação a isso. 
Uma boa noite à todos!

[Resenha] Rostinho Bonito - Mary Hogan

A vida de Hayley tinha tudo para ser perfeita.
Ela mora na Califórnia, a poucos metros da praia, o clima é sempre perfeito, as pessoas são legais e ela tem uma melhor amiga dos sonhos! Além de tudo, Hayley é engraçada, inteligente, amiga e tão bonita...de rosto.
Tudo isso seria ótimo se não fosse por um pequeno detalhe: Hayley e a Califórnia não poderiam ser mais incompatíveis. Ela não tem nada de magrela e, sem o corpinho sarado (ainda que artificialmente) típico da região, nem pensa em chegar perto da praia. Suas qualidades, ao invés de ajudar na sedução do lindo Drew Wyler, só atrapalham.
Antes que Hayley surte com a pressão de ter uma mãe irritantemente obcecada por perder peso, um amor que nunca vai passar de uma amizade - e que, além de tudo, está a fim de sua melhor amiga - e sua dificuldade em se encaixar no padrão californiano, seus pais resolvem ter a melhor ideia do mundo: mandá-la para a Itália para passar o verão!
Hayley não poderia imaginar que seria lá, em um lugar onde ela precisa andar quilômetros no sol (e em ladeira!) para ter acesso a tecnologia, longe de sua melhor amiga e tudo que lhe é familiar e tendo que conviver com dois irmãos pequenos em sua nova casa, que sua vida mudaria para sempre.
Aprendendo a ter uma visão completamente diferente de si mesma e do mundo, Hayley pode finalmente ser Hayley, . Lá ela não é gorda, tem curvas. A comida (quem diria!) não é sua arqui-inimiga. Ter um rostinho bonito é finalmente um elogio. Mas, principalmente, lá ela não precisa ser mais uma menina de revista para achar o seu verdadeiro Drew Wyler. 

Young Adult | 240 páginas | Editora Galera Record |

Hayley é uma garota de 16 anos que mora na Califórnia, típico lugar de meninas com peitos siliconados, bundas para cima e barriga tanquinho, só que ela não tem nada disso. Além de estar acima do peso - 15kg precisamente -, e tendo que aturar sua mãe com reclamações constantes de seus hábitos alimentares, ela só pode contar com seus olhos azuis e sua pele sedosa que complementam seu apelido de 'rostinho bonito'. 

Apaixonada por Drew Wyler, um garoto da escola, Hayley sabe que nunca teria chance com ele, mas não custaria nada tentar. A grande decepção acontece quando ela descobre que Drew está interessado em sua melhor amiga, Jackie. Para o alívio da menina, seus pais lhe presenteiam com uma viagem de 10 semanas para a Itália. Lá Hayley irá perceber que corpo e imagem é o que menos conta e que o que importa realmente é quem as pessoas são. 

Publique seu conto distópico em livro!


Se você escreve contos sobre distopias e deseja ser publicado, eis a oportunidade.
Você pode participar da coletânea MÃO DE FERRO - CONTOS DISTÓPICOS, organizada pelos escritores Paola Giometti e Hugo Sales.
Qualquer pessoa pode participar. Para submeter um texto à avaliação, basta acessar o site da editora www.andross.com.br
O prazo para recebimento de textos vai até 30 de abril de 2017 e o lançamento será em outubro de 2017, no evento Livros em Pauta.

SINOPSE: Lincoln disse que o caráter de um homem é colocado à prova assim que ele é alçado ao poder. E o coração, outrora macio e quente, se torna rijo e gélido, com sede de mais autoridade, conquistada com punhos cerrados e brados graves. Aos oprimidos, restam-lhes apenas esperança e resistência.

Essa é sua oportunidade de se tornar um escritor!

Tag: Obsessão por livros

Oi, gente. Fuçando o blog de algumas pessoas, encontrei essa tag por acaso no Quanto mais livros melhor. Achei ela bem diferente da maioria das tags que conseguem ser bem repetitivas, por isso se vocês se interessarem, fiquem à vontade para fazer. 

Você tem obsessão em comprar livros?
Eu achei que não, mas depois percebi que mesmo mergulhada nas dívidas e não podendo gastar com nada, se eu paro em frente a uma livraria ou promoção, estou lá eu comprando e gastando o que não devo. E olha que eu tenho diversos livros que comprei no ano passado e ainda não li. Se isso não é obsessão, não sei o que é.

[Resenha] O eterno namorado - Nora Roberts

Tudo o que acontece na vida de Owen Montgomery é meticulosamente organizado em uma planilha ou lista de tarefas. No trabalho não é diferente, e é graças a sua obsessão por ordem que a Pousada Boonsboro está prestes a ser inaugurada – dentro do cronograma.
A única coisa que Owen jamais previu foi o efeito que Avery MacTavish teria sobre ele. A proprietária da pizzaria em frente à pousada sempre foi amiga da família e agora, enquanto vê em primeira mão a fantástica reforma pela qual o lugar está passando, também observa a mudança gradativa de seus sentimentos por Owen.
Os dois foram namorados de infância, e desde então tinham estado bem distantes dos pensamentos um do outro. O desejo que começa a surgir entre eles, porém, não tem nada de inocente e é impossível de ignorar.
Enquanto Owen e Avery decidem se render à paixão e levar seu relacionamento a um nível mais sério, a inauguração da pousada se aproxima e dá a toda a cidade um motivo para comemorar. Mas quando os traumas do passado de Avery batem à porta e a impedem de se entregar, Owen sabe que seu trabalho está longe de terminar. Agora ele precisa convencê-la a baixar a guarda e perceber que aquele que foi seu primeiro amor pode também ser seu eterno namorado.

Romance | 304 páginas | Editora Arqueiro | Esta resenha pode conter spoilers do livro anterior

Depois de ter terminado Um novo amanhã, o primeiro livro sobre a pousada Boonsboro, fui correndo ler o segundo livro da série e posso dizer que fiquei bem mais satisfeita com o enredo. Aqui conheceremos melhor Owen Montgomery, o irmão do meio, aquele que sempre está encarregado de cuidar dos detalhes das obras, incluindo tudo em suas listas mecanicamente organizadas.

Owen conhece Avery MacTavish a vida inteira, inclusive foi seu primeiro namorado quando tinham apenas 6 anos de idade. Porém, eles cresceram e a paixonite que um dia sentiram um pelo outro desapareceu. Agora com a pousada em reta final para a inauguração, Owen e os irmãos estão cheios de coisa para fazer, inclusive o casamento de Clare e Beckett.