Facebook

Book Haul de Maio

Oi, gente, como vão? Hoje vim falar dos livros que comprei no mês de Maio, e que estou super namorando as capas. Só lembrando também que hoje é meu aniversário, então se alguém quiser me presentear com algum livro, eu super aceito numa boa rsrs

Eu comprei Agora e para sempre, Lara Jean em meio a um ataque de loucura na Amazon, assim como Mil beijos de garoto. Ambos saíram por R$31,00, incluindo o frete. O primeiro já tem resenha aqui no blog, o segundo eu ainda estou tentando começar (visto que eu sei que vou morrer de tanto chorar assim que iniciar a leitura). #Partiu vida nova e Amor à segunda vista eu comprei em uma promoção na Fnac. Os preços estavam ótimos, e fiquei apaixonada pela capa do livro. A resenha já foi disponibilizada no blog, e o segundo livro eu ainda estou terminando, e já posso dizer, amando! Também ganhei alguns marcadores enviados pela autora parceira Bianca Gulim, do livro Sobreviventes do Caos ❤

COMPRADOS


Os reis do Bourbon (Os reis do Bourbon #1) - J.R. Ward | Resenha

Sinopse: Por gerações, a família Bradford foi coroada como magnata da capital mundial da produção de bourbon, no Estado norte-americano de Kentucky. A fortuna permanente lhes proporcionou prestígio e privilégios bem como a divisão de classes, conseguida a duras penas, na vasta propriedade familiar, a Easterly. No topo dela, há uma dinastia que, para todos os efeitos, joga de acordo com as regras da boa sorte e do bom gosto. Na base, os empregados que trabalham sem parar para manter impecável a fachada dos Bradford. E nunca os dois lados deverão se encontrar.

Para Lizzie King, a jardineira-chefe, cruzar essa fronteira quase arruinou sua vida. Apaixonar-se por Tulane, o filho pródigo da dinastia do bourbon, não foi o que pretendia, nem o que desejava, e o rompimento amargo só provou que seus instintos estavam certos. Agora, após dois anos de afastamento, Tulane finalmente retorna para casa, e traz consigo o passado. Ninguém sairá ileso: nem a bela e insensível esposa de Tulane; nem seu irmão mais velho, cuja amargura e rancor desconhecem limites; tampouco e especialmente o patriarca, um homem de pouca moral, ainda menos escrúpulos e muitos, muitos segredos terríveis.

Enquanto as tensões familiares profissionais e particulares florescem, Easterly e todos os seus habitantes serão lançados nos domínios de uma transformação irrevogável, e somente os fortes sobreviverão.

Romance | 431 páginas | Editora Universo dos Livros
Lizzie King acabou cometendo um erro no passado ao se apaixonar por Tulane Bradford, filho e herdeiro de um dos maiores impérios da indústria do bourbon, da cidade de Kentucky. Após dois anos, Lane resolve voltar a propriedade da família no Easterly, e acaba se reencontrando com Lizzie, que ainda trabalha lá como jardineira-chefe. O que ela não esperava é que ele iria trazer consigo sentimentos que ela quer esquecer, já que quando confiou nele no passado, acabou com o coração partido e sem chance de se recuperar.

Após dois anos morando em Nova York, Lane precisou retornar a sua 'casa' depois de saber que uma pessoa muito querida para si passou mal. Voltando a seu antigo lar, ele revê o amor de sua vida Lizzie, e se arrepende amargamente das escolhas ruins que fez no passado. Mas sua volta também acarretará diversas situações e segredos que a família Bradford faz questão de esconder. Até que ponto ele poderá realmente se envolver nas questões familiares? Seria que Lizzie daria outra chance a eles agora que ele fará o que é certo? E o melhor: que segredos esconde seu pai, Willian Bradford, aquele que ele tanto odeia?

MINHA OPINIÃO

Nunca havia lido nada da autora J.R.Ward, eu até comprei Um romance inesquecível dela mas ainda não li, então estou bastante surpresa pelo tanto que eu gostei de sua obra. Com uma escrita pra lá de envolvente e muito instigante, ela faz o leitor dar voltas para descobrir quais são os segredos profundos escondidos pela dinastia dos Bradford. 

A família Bradford há gerações vende o melhor bourbon do mundo, e foi assim que ela conseguiu construir seu império, com uma receita de mais de 1 bilhão por ano pela empresa. A família é composta por Willian e Virgínia Elizabeth Bradford, que são pais dos quatro herdeiros: Edward, Lane, Max e Gin.

Devo comentar primeiramente o quanto eu odiei o personagem do pai de Lane, o Willian. Gente, o cara é um horror, daqueles que são arrogantes, brutos e fazem de tudo para conseguir o que querem. Detestei ele desde sua primeira aparição no livro e tenho meus motivos, então se você conhecer a obra, também terá os seus. Sendo um pai frio, distante e extremamente agressivo, ele colecionava ódio por parte dos filhos. A esposa, Virgínia Elizabeth, após sofrer anos com o abuso psicológico do marido, acabou inerte em uma cama, vegetando, totalmente incapaz de fazer alguma coisa.
Dos filhos, temos Lane, que é a nossa espécie de protagonista principal. Ele é um playboy, mas não deixe que o dinheiro defina-o para você antes de conhecê-lo. Lane tem um coração de ouro, é completamente apaixonado por Lizzie e tudo o que fez no passado foi por uma causa maior, por assim dizer. Eu gostei muito dele, ele é muito fofo, daqueles que você já quer ter ao lado, além de ter uma personalidade maravilhosa. Chantal, sua esposa, é um nojo de pessoa e a mulher esconde muito mais por detrás da fachada de jovem pudica, e está esperando o momento certo para mostrar suas garras.

O Edward é o filho mais velho, é ele que se interessou pelos negócios da família e vinha fazendo um ótimo trabalho com sua incrível mente, porém, após ter sofrido um sequestro em uma viagem de negócio - Nota: onde todos os irmãos acham que foi o pai deles que armou -, ele não é mais o mesmo. As feridas e cicatrizes que o sequestro deixou foram muito grandes, e Edward acabou se isolando em um haras, cuidando de cavalos. Ele sempre foi apaixonado por Sutton, filha do dono da maior destilaria concorrente da família Bradford, e agora que virou praticamente um aleijado, ele sabe que nunca poderá tê-la

"- Eu queria que você não tivesse voltado - ela se ouviu dizer - Eu queria... Eu já estava te esquecendo, Lane. Estava recuperando o meu fôlego, a minha vida. Eu estava... e agora você está aqui, dizendo as coisas que quero ouvir, olhando para mim como se estivesse falando sério. Mas eu não quero voltar. Não posso."

Gin é a vadia da família e sua fama lhe precede. Criada vendos os abusos e as traições do pai, ela acabou crescendo não confiando nos homens e isso fez com que gostasse de brincar com todos. Ela vive uma espécie de paixão doentia por Samuel T, um amigo e advogado da família. Eles se conhecem desde criança e se amam, mas são orgulhosos demais para admitir, por isso, se ele fica com alguém na frente dela, ela revida a altura de uma maneira pior. Tudo para eles se resume a sexo.


Max não é um personagem que aparece depois de velho, então não sei bem como falar dele e claro, temos a Lizzie. Lizzie é uma moça muito fofa, que nem eu e você. Ela sabe que não poderia namorar um homem como Lane, afinal, ela é apenas uma jardineira e ele é um milionário, mas vencendo os esterótipos de menina frágil e pobre apaixonada pelo dominador rico, ela e Lane tem uma história muito bonita, e sim, o amor deles é verdadeiro e construído de maneira espetacular. Foi um dos meus ships ao longo da leitura.
Foto por Fundo Falso
O livro se resume ao romance de Lizzie e Lane, mas ao longo do enredo você percebe que ele começa a focar nos demais romances dos irmãos. Misture isso aos mistérios e segredos que Lane terá que descobrir e resolver para que seu grande império e sua família não venham a ruína, o que deixa a escrita muito mais emocionante. Edward irá se abster da situação, afinal, ele não se sente mais da família a muito tempo e Gin tentará resolver as coisas da sua maneira, mas pagará um preço muito alto para isso, então tudo ficou nas mãos de Lane e aquelas pessoas que realmente se importam em ajudá-lo, o que dá uma carga a mais ao segundo livro da série, que já começa de maneira espetacular.

Eu nem preciso dizer o quanto amei essa obra. A narrativa é muito envolvente, daquelas que te prende do começo ao fim. São vários narradores e vários pontos de vista, dando uma visão ampla do tamanho do problema que a família Bradford precisará lidar. Eu me senti em um dos livros do Sidney Sheldon, com direito a brigas familiares e jogos de poder, e neste quesito J.R. Ward não decepcionou nem um pouco.

3 anos do blog A colecionadora de histórias!

O blog A Colecionadora de Histórias é o aniversariante da vez, e junto com os blogs amigos e parceiros, está comemorando seus 3 anos de existência no mês de Junho com um sorteio pra lá de lindo! Vocês não vão querer perder esses presentes, não é? 

Apoio:

Informações sobre o sorteio:
- O sorteio será feito através do Rafflecopter. Para logar no aplicativo, utilize seu email ou facebook.
- Período do sorteio: 01 de junho até 30 de junho
- Você pode participar de todos os kits, mas só pode ganhar em um!
- Iremos conferir se as regras obrigatórias de cada kit foram cumpridas corretamente.
- As regras relacionadas a FANPAGES exigem que você CURTA as páginas.
- Sobre EBOOKS: é importante lembrar que você não precisa ter um dispositivo Kindle para ler o ebook. Basta ter o aplicativo instalado no seu celular, tablet, computador, etc., que está disponível gratuitamente no site da Amazon.
- Sobre o CRÉDITO DO SKOOB: Será disponibilizado ao ganhador 1 crédito para solicitar um livro disponível para troca no Sistema Plus. Maiores explicações e detalhes serão combinados por email. Não é obrigatório ter uma conta no skoob.
- Os ganhadores receberão um email do blog A Colecionadora de Histórias. Esse email deverá ser respondido em até 72 horas, caso contrário, o sorteio será refeito.
- Cada blog/autor/editora está responsável por enviar o próprio livro/brinde, e têm o prazo de 45 dias para o envio, após a divulgação do resultado.
- Os ganhadores devem ter endereço de entrega no Brasil.
- Não nos responsabilizamos por extravio dos correios.
- Spammers e perfis de promoção serão automaticamente desclassificados.

Kits e prêmios:

Batalha de capas: Como eu era antes de você

Oi, gente, como vão? Hoje trouxe mais uma batalha de capas para vocês e escolhi um livro que muita gente leu e amou, inclusive sua adaptação para o cinema foi um sucesso. Isso mesmo, Como eu era antes de você conta a história de amor dos improváveis Will e Louisa. A capa brasileira é realmente maravilhosa, mas tem muita capa linda por aí ao redor do mundo. Separei quatro para vocês votarem e escolherem a melhor.

CAPA BRASILEIRA


Alemanha: Eu amei essa capa por causa das cores. A menina no centro com o cachecol também ficou lindo, lembra muito a história.
Estados Unidos: Eu gostei dessa capa, mas a escolha de cores não enalteceu a obra. Acho que ela parece mais com a série Belo Desastre rsrs

China: Eu adorei a capa da China, achei-a muito bonita mas acho que ela não retrata bem a Louisa. Daria melhor se fosse um new-adult.
Croácia: A capa da Croácia é muito linda, realmente, mas essa escolha de cenário prevaleceria mais se fosse para uma distopia, não sei rsrs
De todas, eu prefiro a da Alemanha, e vocês? Não esqueçam de votar!

CAPA VENCEDORA DO DESAFIO ANTERIOR:


Resumo do mês de Maio/2017

Oi, gente, como vão? Mês de Maio está terminando e eu vim com várias novidades sobre o blog para vocês, e uma lista bem gorda de livros lidos. Antes de tudo quero lembrá-los que o blog está promovendo um sorteio, que se encerra no dia 09/06, então ainda dá tempo de tentar participar quem ainda não fez isso. 

O blog fechou parceria com outra blogueira, a Laís, dona do blog Marés. Lá ela posta vários textos muito legais, e como ela está retornando agora os posts, sugiro que conheçam o espacinho dela. Se você também quer fazer parceria com o Leitora Encantada, basta mandar uma mensagem no meu e-maill pessoal e fazer a proposta.

Também fizemos parceria com a autora Lídia Rayanne, a autora do livro Romance in San Marino, que eu já estou inclusive lendo. Então este mês já terá a resenha dessa obra maravilhosa aqui no cantinho ❤

Quero comentar que iniciei dois projetos aqui no blog. O primeiro é o Selo Biblioteca, que você pode conhecer mais aqui e o outro seria o Abandonei sem dó, que expliquei um pouco mais sobre ele aqui. Espero que vocês fiquem interessados e participem.

Em relação as resenhas, eu acabei viajando e fiquei as duas primeiras semanas do mês bem atolada e com preguiça de ler. Porém, eu acabei compensando o tempo perdido e finalizei 12 leituras e 1 conto. Todas as resenhas podem ser acessadas por este link.

Popular - Maya Van Wagenen | Resenha

Sinopse: Maya nunca foi uma garota popular. Na verdade, ela era a menina invisível da escola. E para completar, os óculos e uma fascinação por Guerra nas estrelas e O senhor dos anéis não ajudavam em nada sua ascensão na escala da popularidade. Só que tudo isso estava prestes a mudar. Um pouco antes do início das aulas, Maya achou na biblioteca de seu pai um exemplar empoeirado de O guia da popularidade de Betty Cornell, um livro escrito por uma ex-modelo adolescente super glamorosa... Da década de 1950!

Apesar das ideias um tanto antiquadas, Maya aceita o desafio proposto pela sua mãe e decide seguir durante todo o ano letivo os conselhos escritos para meninas que podiam ter sido amigas de sua avó. Então a mágica acontece!

Os resultados da experiência de Maya são divertidos, engraçados e emocionantes, sem deixar de lado os micos, as tristezas e as pequenas desilusões que fazem parte da vida de qualquer adolescente.

Biografia | 279 páginas | Editora Globo Livros



Maya sempre foi uma garota que não se encaixava. Rotulada como uma pária social, ela quase não tem amigos e sabe que nunca poderia ser popular. Mas um dia seu pai encontra em meio a bagunça do escritório um livro da década de 1950 escrito pela ex-modelo Betty Cornell. Nele ela dá dicas de como ser popular e vintage ao mesmo tempo.

Apesar de todas as ideias serem bem antiquadas, a mãe de Maya lança o desafio a ela e ela resolve entrar de cabeça nas dicas que Betty dá. O livro acabou se tornando um diário para todas as experiências boas e ruins que Maya teve, que acabou levando-a ser aquilo que sempre sonhou: popular.

Meus crushes literários do ano até agora

Oi, gente! Isso mesmo, hoje vamos falar dos crushs literários que estão fazendo o maior sucesso nas histórias. Como não sou muito seletiva, eu tive que fazer um refinamento daqueles para conseguir escolher somente quatro personagens maravilhosos que provavelmente eu irei casar no futuro, com toda a certeza rsrs e como já li muitos livros este ano, tive que abrir mão de alguns, mas já saibam que no final do ano, terá um apunhado de todos os crush de 2017. Então sigam-me os bons e vamos conhecer melhor os indicados a marido da Mika ❤

#Partiu vida nova - Leila Rego | Resenha

Como muitas garotas pobres do interior, Mariana também sonhava em se casar com um cara perfeito, ter uma casa arrumada e ser feliz “até que a morte os separe”. Mas o sonho dela parecia ter sido turbinado: ela ia se casar com Eduardo, médico, lindo, rico, cobiçado e divertido, ia morar em um superapartamento no melhor bairro da cidade, e nunca tinha se sentido mais feliz com seu vestido de noiva de marca e um guarda-roupa repleto de peças de grife que ela tanto valorizava. Depois de uma trabalheira maluca e da organização de todos os detalhes, o grande dia havia chegado. E, se dependesse dela, tudo sairia maravilhoso! Ela estava em seu quarto sozinha, terminando de se arrumar para a cerimônia, quando o noivo aparece de repente e diz que precisa conversar, pois não se sente pronto para casar. A imagem do casal em cima do bolo começa a desabar… O que aconteceu com Edu? Mari necessita de respostas, nada mais faz sentido. Agora, ela precisa ir atrás da verdade, nem que para isso tenha que descer do salto, arregaçar as mangas e fazer um longo caminho de volta, até conseguir finalmente começar a aproveitar a sua tão sonhada vida nova. 

Chick-lit | 302 páginas | Editora Gutenberg 


Tudo está indo maravilhosamente bem na vida de Mariana. Ela está prestes a entrar no altar com o cara dos sonhos, o Edu: rico, médico, bonito e o melhor, todo dela. Se preparando para a cerimônia, Mariana só não contava que justamente o noivo não iria estar lá. Edu, que de última hora resolveu aparecer na casa de Mariana, quer desistir do casamento, não se sente preparado para casar e o pior, não sente que ama mais a noiva.

Arrasada e na foça, Mariana tenta entender o que foi que fez de errado em todos os seis anos de relacionamento com o Edu, e começa a perceber que acabou tornando-se uma pessoa egoísta, fútil e mimada por causa do status social de Edu. Agora ela precisa superar tudo isso, seguir em frente e só então poder dizer #partiu vida nova.
Foto por Leitora Encantada