18 de janeiro de 2018

Conquistada até terça - Catherine Bybee | Resenha

em 18 de janeiro de 2018

18 comentários
O quinto livro da série Noivas da semana. Judy Gardner: ela acabou de se formar na faculdade e está pronta para ganhar o mundo... desde que consiga um emprego. Esperando passar o mais rápido possível de arquiteta novata a profissional respeitada, a beldade de cabelos escuros se muda para a casa de seu irmão celebridade, Michael Wolfe, em Los Angeles. Mas é difícil para Judy se concentrar no trabalho quando o guarda-costas sexy por quem ela se apaixonou no verão passado continua aparecendo em sua vida e tirando seu fôlego. Rick Evans: com seu corpo musculoso, olhos verdes e sorriso fácil, Rick poderia ter a mulher que ele quisesse. Mas o ex-militar e atual guarda-costas só tem olhos para a impulsiva Judy. Quando ela sofre um ataque, Rick sabe que não vai parar até ter certeza de que a mulher da sua vida está a salvo do monstro atrás dela.
Romance | 289 páginas | Editora Verus 

Conquistada até terça é o quinto volume da série Noivas da Semana. Eu já tinha lido o sexto livro e só agora pude ler na ordem certa. Judy Gardner é a irmã de Michael Wolfe, o astro de Hollywood e protagonista do quarto livro e a conhecemos justamente nesse volume. Rick Evans é um dos ex-fuzileiros navais que trabalharam com Neil McBain, que a gente já conheceu no terceiro volume. Juntos eles irão fazer as páginas desse livro pegarem fogo!

Desde o primeiro contato que Rick teve com Judy que os dois soltaram faíscas um pelo outro. Mas o fato de Judy ainda estar terminando a faculdade de arquitetura e estar focando somente em sua carreira, fazem ela se manter distante de Rick. Até que um ano depois, ela se muda para Los Angeles, com Meg, sua melhor amiga, para a casa de Michael. Lá começaria sua nova vida, e um novo estágio em um escritório de arquitetura.
Minha autoria
Rick já fazia a vigilância da casa de Michael antes, então colocar Judy e sua amiga no meio foi muito simples. O ex-fuzileiro naval já estava há muito tempo interessado nela, e vai usar dessa proximidade para enfim conseguir um encontro com a moça. O problema é que tem alguém que quer fazer muito mal a Judy, mas infelizmente ninguém sabe quem seja ele ou ela, e seus motivos. Assim a segurança de Judy se torna a principal tarefa de Rick, ao mesmo tempo que tenta deixar seu coração sem entrar na história.
Eu não me importo de bancar o herói para você. O resto do mundo que se dane.
Como já havia comentado com vocês sobre a escrita da Catherine, ela continua maravilhosa e simples. Se você pensa que o clichê do primeiro livro vai acontecer com todos os outros, você está redondamente enganada. Clichê aqui é só o romance do casal, que inevitavelmente vão ficar juntos, mas Catherine consegue nos surpreender a cada enredo e a cada reviravolta. 
Minha autoria
Minha autoria
Mais uma vez temos uma pessoa querendo fazer mal a alguém que faz parte do círculo de amizades do Michael. O engraçado é que essa pessoa não tem noção da burrice que tá fazendo porque mexer com esse povo é treta (quem já leu os demais livros sabem que eles levam a sério segurança). Em meio a isso, vamos ver o romance de Rick e Judy começar a dar forma. Eles não são meu casal favorito mas com certeza tem química, e isso conta muito. Judy é uma pessoa que cresceu em uma cidadezinha pequena mas que consegue se superar a cada desafio. Só o que sabemos de Rick até então é que ele é um cara repleto de músculos e que já serviu o Exército, mas nesse livro iremos descobrir muito mais dele, e não tem mais jeito, me apaixonei completamente pra ele.

Algumas cenas do livro me lembravam Cinquenta Tons de Cinza, quando o Jack Hyde tava ameaçando a Ana, e o Christian fazia de tudo para encontrar o cara e dar uma surra nele, e sim, isso soou meio entediante pra mim, algumas cenas como as do Rick protegendo 24h a Judy me fizeram pensar demais no outro livro, o que pode ter sido um ponto negativo.
Minha autoria
Outra coisa que eu acho genial e meio louco na escrita da Babyee, é que os personagens dela são sempre fodões, acho que a única pessoa "normal" ali é a Meg e a Judy, porque o resto é famoso, rico, poderoso e etc, isso também se tornou um clichê durante a leitura. Como já li o sexto livro, terminei esse volume já querendo ler o último e enfim saber como essa história irá se desenrolar. Já vemos sequestro, ameaças, tráfico de drogas e só imagino o que a autora vai inventar dessa vez.

18 comentários:

  1. Sério, eu tenho muita vontade de ler este série.
    Ainda não pude comprar os livros, mas com certeza eles serão os próximos que comprarei.
    Tenho medo de me decepcionar porque vejo algumas pessoas falando desses clichês existentes nos livros dela, mas fico realmente curiosa e espero não me decepcionar.
    Mesmo que não tenha sido o seu casal favorito, fico feliz que tenha gostado Miriã, eu realmente adorei a resenha e espero poder lê-los logo, logo.

    P.S.: Você fala das minhas fotos, mas olha as suas. Acho que quem tá precisando nos dar uma aulinha é você. Sério, estão lindas.

    Beijos.
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gabi. Respondendo ao seu PS antes, se você perceber eu tenho um cenário exato pra todo livro kkkk porque aqui em casa eu não tenho nenhum acessório pra complementar a foto então sempre uso os mesmos, o que é triste demais.
      Eu espero que você possa ler essa série e gostar, eu realmente adoro ela.
      Beijos

      Excluir
  2. Oi Miriã! Tudo bem?

    Que livro interessante, só não curti a capa. Livros do gênero não costumam ser minha praia, mas esse é até convidativo em soma com sua resenha.

    Grande abraço!
    http://www.cafeidilico.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Victor. Eu adorei essa capa, mas achei a cor meio batida. Eu amei esse livro, dá pra você ler se quiser.

      Excluir
  3. Até agora só consegui ler o primeiro dessa série, mas sou apaixonada por essas capas e espero poder ler também todos os volumes, que mesmo com alguns clichês e com algumas referências a outras obras parece ser uma boa história pra ler e se encantar <3 Curti a resenha ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lili. Estou adorando cada volume dessa série, e sem contar as capas que são verdadeiras obras, estou amando elas.

      Excluir
  4. Oi, Mi!
    Menina, bom saber que a autora vai inovando a cada livro.
    Quanto a clichê no romance, acho meio impossível hoje em dia acharmos um romance que não tenha um pingo de clichê. Pelo menos já passamos daquela fase do mocinho mal humorado e com um passado obscuro e da mocinha inocente.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lu. Eu adoro um clichê mas ás vezes fico saturada e canso, mas adoro as inovações da autora nessa série, são bem diferentes.

      Excluir
  5. Oie
    Esta série não me chama atenção, acho que é este enredo que não me agrada muito. Mas gostei de saber sua opinião sobre o livro.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nessa. Estou adorando essa série, é uma pena que não goste :9

      Excluir
  6. Oiee.

    Até agora eu só consegui ler o primeiro livro, mas foi o suficiente para que eu me apaixonasse por essa série. Agora estou querendo muito comprar os outros livros e ler de uma vez.

    Beijos.
    http://www.livrosecafe.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi. Os outros livros melhoram muito a série, você vai adorar!

      Excluir
  7. Estou louca para ler toda a série!! Li só o primeiro e gostei muito, tenho certeza que vou amar esse livro ❤️ a resenha está maravilhosa!
    Beijos ❤

    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Melissa. Se gostou do primeiro, provavelmente vai gostar dos outros. São muito bons!

      Excluir
  8. Oi Miriã, esse foi meu segundo livro preferido, eu achei bem diferente todo o trauma que a Judy passa, pq os outros são bem mais leves nesse quesito. Já estou ansiosa pelos próximos!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mi. Realmente a Judy passa por uma barra, eu gostei dessa parte da ação, apesar de ter achado o sequestrador dela meio furado.

      Excluir
  9. Oi! Essa capa é linda, o que me interessou é o fato de ser clichê, mas que tem suas reviravoltas que nos faz gostar bastante do livro. Gosto quando tem uma pegada policial na trama, deixa o romance bem mais instigante. Comprei o primeiro volume, espero gostar da série. Bjos ❤

    Click Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rackel. Para quem gosta de um romance não tão doce, regado a sensualidade e cenas de ação, a obra é perfeita.

      Excluir

Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post.
Aproveite e deixe seu link, para que eu possa retribuir sua visita! ❤



TOPO